DC divulga novos vilões do seu relançamento

Um herói só é tão bom quanto os seus vilões.  Alguém disse isso e eu não me lembro quem foi, mas concordo plenamente. Um herói só é tão memorável quanto os vilões que enfrenta. Pensando nisso, vamos analisar alguns dos novos vilões do novo Universo da DC, que começa em pouco mais de duas semanas, quando o dia 31 de agosto chegar e, com ele, Justice League #1.

Batman

Dois novos vilões do Homem-Morcego foram liberados: Dollmaker e White Rabbit (Criador de Bonecas e Coelha Branca, respectivamente).

Bom, é dificil dizer qualquer coisa por imagens da capa, mas vamos tentar um pouco de chute? Na imagem do Dollmaker, nós vemos o Batman literalmente rasgando a barriga do cara (e ele acertando as costas do Homem-Morcego). Como o Batman não mata ninguém, dá pra deduzir que não deve ter problemas acertar o cara assim. Considerando o nome, ele deve criar clones de si para agir. Ou é um super-poder, ou algum tipo de andróide, sei lá.

Já a White Rabbit parece um pouco mais fácil. Alguém aí falou em Hera Venenosa? Ou será que essa fumaça em forma de coração é só enfeite? Atentem para as correntes ao fundo.

Aves de Rapina

Em Birds of Prey #1, teremos The Cleaners como vilão (ou vilões? Grupo de vilões?), por Jesus Saiz

wat

Legião dos Super-Heróis

Criado por Francis Portela, Renagade (Renegado) vai aprontar mil e umas em Legion of Super Heroes #1

Parece o típico vilão de segunda linha: fortão, rápido, sem personalidade. De novo, é só especulação da minha parte com base nos desenhos.

Stormwatch

The Scourge of the World, de Miguel Sepulveda, em Stormwatch #1

????

Grifter

Daemonites, em Grifter #1, por CAFU

Um velho poderoso que se transforma num lagartão? Um lagartão que se transforma num velho? Um velho que tem um lagartão? Um lagartão que… ah, esquece.

Ressurection Man

Lament (Lamento) e uma figura desconhecida em Ressurection Man #1, criação de Fernando Dagnino.

Reparem que parece que Lament se transforma na figura desconhecida.

Bem, considerando tudo, eu gostei dos vilões do Batman. Os outros, me pareceram bem genéricos, mas quem sabe?

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...