DC Comics: A volta de Shazam, troca na equipe de Arqueiro Verde e a morte de Krypto

Novidades, novidades! A New York Comic Con aconteceu nesse fim de semana e, como é uma convenção de quadrinhos, seria de bom tom ter algo assim por lá.

A Marvel divulgou algumas novidades, e agora é fez da DC. Vamos ver o que vem por aí nas revistas da editora que dominou as vendas do último mês.

A Volta de Shazam: O Capitão Marvel e toda a sua mitologia começam a aparecer no Novo Universo DC a partir de Justice League #5. Explico: o personagem aparecerá em pequenas histórias que virão na revista, escritas por Geoff Johns e desenhadas por Gary Frank. As histórias secundárias se chamarão “The Curse of Shazam” e se aproveitarão da popularidade da revista da Liga da Justiça, a revista mais vendida no reboot, e devem estabelecer uma base de leitores o suficiente para que a família Shazam tenha sua própria revista;

Arqueiro Verde: Ann Nocenti assumirá a revista de Oliver Queen como respota da DC às críticas de que o relançamento do seu universo tinha poucas autoras envolvidas;

A Morte de Krypto: Krypto, o cão kriptoniano do Superman, morreu no Novo Universo DC. Como Action Comics #2 nos mostra, o cão chegou morto à Terra. A DC confirmou no painel do Superman na NYCC que o pobre cachorro já veio morto para o nosso planeta e que, nessa linha temporal, ele foi na verdade o animal de estimação de Jor-El e não de Kal-el. Por pura irônia do destino (ou não) Bruce Wayne, o Batman, comprou um cachorro em Batman and Robin #2. O Batman já tinha a Gata, agora tem também um cachorro. É, Superman… você não é mais o menino dos olhos da DC;

Confusão Titânica: Mais um caso de contradição dos editores e escritores da DC. A revista Teen Titans, com um texto razoavelmente bom na sua primeira edição, levantou algumas polêmicas. Muitos fãs queriam saber se aquela é a primeira equipe dos Titãs no Novo Universo DC ou se o time clássico existiu na nova cronologia. Em Red Hood and the Outlaws #1, há o comentário de que Estelar participou de um time anteriormente, que deveria ser os Jovens Titãs. Scott Lobdell, escritor da revista, explicou que sim, havia um time antes. Porém, a editora Bobbie Chase disse na NYCC que não, não houve nenhum outro time. Mais trapalhadas da DC. Em breve um deles surge dizendo que foi mal interpretado e que não era bem assim (não necessariamente o fim… );

Animação da Noite Mais Densa: Talvez o maior sucesso comercial da DC dos últimos anos (depois de Flashpoint e o Novo Universo DC), a saga A Noite Mais Densa foi idealizada por Geoff Johns e teve participação dos brasileiros Ivan Reis, Oclair Albert e Joe Prado. Na NYCC, Bruce Timm, responsável por muitas das animações bem sucedidas da DC, disse que há conversas internas no sentido de que A Noite Mais Densa se transforme numa animação. Vamos torcer!

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...