Vendas do Wii U no Japão continuam caindo

O Wii U, novo console da Nintendo, pode ter vendido quase todo o estoque produzido pela Big N no seu lançamento, mas as coisas não andam muito bonitas do ponto de vista comercial para o console.

Desde a sua estreia, quando já vendeu menos do que o Wii tinha vendido quando foi lançado, os números de vendas do Wii U no Japão só diminuem, semana após semana. É óbvio que todo lançamento ganha um gás inicial e a tendência é ter uma diminuída nas vendas, mas a situação chegou ao ponto do console não conseguir vender 100 mil unidades há três semanas consecutivas e já é comparado ao Game Cube, primeiro grande “fracasso comercial” da Nintendo.

Confira alguns dados:

  Vendas Wii U Vendas Wii
1ª Semana 308 570 371 936
2ª Semana 130 653 109 068
3ª Semana 122 356 101 956
4ª Semana 76 760 284 648
5ª Semana 70 662 121 510
6ª Semana 20 715 146 553

Reparem que o Wii U até que começou bem, vendendo pouco menos que o Wii no total das suas três primeiras semanas. Porém, algo aconteceu a partir da 4ª semana de lançamento do console, com os números ficando MUITO abaixo do esperado.

Seja como for, vamos esperar para ver como a Nintendo, raposa velha que é, contornará essa situação. A empresa japonesa já afirmou que não pretende diminuir o preço do video-game.

via Kotaku BR (via 4Gamer e Media Create)

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...