James Mangold topa fazer uma sequência de Wolverine – Imortal e quer um filme de Sandman

James MangoldEm entrevista ao Yahoo!, o diretor James Mangold (Wolverine -Imortal) falou sobre a sua experiência com a direção de um filme baseado em um super-herói e afirmou que estaria disposto a fazer uma sequência E cuidar da adaptação cinematográfica de Sandman, de Neil Gaiman.

Mangold afirmou que, apesar do novo filme do Carcaju da Marvel não dar uma brecha para uma sequência e já ter X-Men: Dias de Um Futuro Esquecido vindo aí, ele não hesitaria em fazer um novo longa caso tivesse a liberdade que teve com esse primeiro.

[quote]Se a oportunidade desse segundo filme se apresentasse como a do primeiro fez, então sim. O que eu quero dizer é que a locação e o mundo do Japão realmente me ofereceraam um conjunto único de liberdades. Certamente qualquer projeto com Hugh [Jackman] é atraente, mas se alguém vier até mim ou se eu bolar uma estratégia que continue tão inventiva e excitante, eu não hesitaria em fazer outro Wolverine[/quote]

Quando perguntado sobre qual personagem da DC ele escolheria para fazer um filme, caso tivesse a chance, Mangold surpreendeu ao escolher Sandman e afirmar que inclusive já conversou com Neil Gaiman sobre o projeto.

[quote]Sandman do Neil Gaiman é uma grande série. Na verdade, eu já falei como Neil sobre uma adaptação há algum tempo. Eu acho que se trata de um dos grandes e realmente interessantes contos modernos. Além dele, no completo outro lado do Universo DC, eu sempre fui um fã do Flash. Apesar de que o uniforme dele teria definitivamente de mudar, com aquelas asinhas nas orelhas”[/quote]

Não custa lembrar que Neil Gaiman já falou sobre uma possível adaptação de Sandman que a Warner estava planejando. A opinião do escritor foi bem negativa, embora não deva ter nada a ver com essa conversa com James Mangold.

[vejamais]

+ sobre The Wolverine:

[/vejamais]

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...