Steven Moffat esclarece a história do filme de Doctor Who

No ano passado, o diretor David Yates (Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2) disse que seria o diretor de um filme de Doctor Who, tudo garantido pela BBC.

A história gerou polêmica, já que o outro lado disse que não era bem assim, que um filme é uma coisa complicada, a cronologia de Doctor Who é algo muito sério e e tudo mais.

Mais de doze meses depois, Steven Moffat (o showrunner atual da série) deu uma entrevista ao Vulture, onde ele comenta a possibilidade de um filme com o Senhor do Tempo de dois corações.

Bem, primeiro de tudo, quando? Nós passamos o ano todo fazendo a série. O problema é que eu acharia intolerável fazer um filme no lugar da série de TV, porque a série de TV é mais importante. E eu não acho que nenhum showrunner ou futuro showrunner de Doctor Whor iria tolerar a ideia que David Yates estava falando, de fazer um reboot e ter uma segunda continuidade. Isso é simplesmente ridículo. Absolutamente insano e um insulto direto ao público. Nós nunca, nunca faríamos isso. A questão seria: como nós poderíamos fazer o filme sem atrasar ou prejudicar a série de TV?“, explicou Moffat.

O produtor-executivo e roteirista ainda explicou que não é contra a ideia de um filme da série – pelo contrário, ele disse que “vai acontecer em algum momento, com certeza” e que “seria incrivelmente excitante ver a Tardis voando nas telonas” – mas levantou uma outra questão que o preocupa sobre fazer um longa com o Doutor: “Sem querer ofender, mas de repente nós aceitamos o dinheiro americano e eles esperam que possam dizer o que fazer e todo esse tipo de coisas. Eu não ficaria feliz com isso“.

O próximo episódio de Doctor Who a ser exibido será o especial de Natal dessa temporada, no dia 25 de dezembro.

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...