Review | True Blood – 4×07: “Cold Grey Light of Dawn”

  Jéssica Pagliai  |    domingo, 14 de agosto de 2011

Uma leve análise do sétimo episódio desta quarta temporada de True Blood...

E lá vamos nós para mais um Review, já sabe, Spoilers é uma certeza aqui, se não quer saber, pare agora!

E Marnie continua possuída por Antonia. Controla então xerife Patiño e o deixa incumbido de dar uma mensagem ao rei de Louisiana: Antonia Gavilán de Logroño está de volta, mesmo tendo morrido háF 400 anos! A única humana que foi capaz de dominar vampiros. Durante a Inquisição Espanhola, os vampiros aproveitaram o caos para saciar os seus desejos de luxuria e SANGUE. Antonia foi uma das muitas vítimas, mas por ser uma necromante quem se comunica com os mortos para fins de adivinhação muito poderosa, conseguiu controlar os mortos enquanto queimava, lançando um feitiço que fez todos os vampiros da região saíssem e desejassem o Sol, sendo então exterminados.

Cheia de ódio pelo que fizeram a sua beleza, Pam encontra Tara e Naomi e decide começar sua vingança por elas. Mas, logo um grupo começa a gravar a luta e sabendo que caso seja filmada matando ou se alimentando de um humano o rei a condena a morte verdadeira, desiste.

Mas, promete voltar e matar Tara independentemente que se passe 10 minutos ou 10 anos.

Para proteger sua amada, Tara diz para Naomi seguir sozinha pois não quer incluir seu nome na lista de quem já esteve com ela e acabara por morrer, não querendo ser responsável também pela sua morte. Deside ficar em Bon Temps.

Jesus fica irado com seu avô, por ele quase o ter matado. E ter precisado da ajuda de seu Tio Luca para o salvar, sob o corpo de Lafayette que descobre assim ser um médium.
Jesus conta então ao namorado que, durante toda sua vida de bruxo apenas viu duas pessoas que podem contatar com os mortos, Marnie e o próprio Lafayette.

Alcide e Debbie entrando para o novo clã de lobos. O lobisomem apos ter visto Sookie na floresta ficou muito preocupado com a moça pelo fato dela estar sozinha na mata, numa noite de lua cheia. Debbie vai então com o “namorido” dar uma volta e ver se está tudo bem. Acabam por presenciar o momento íntimo de amor entre Sookie e Eric.

O rei Bill ordena a seus súditos vampiros que se acorrentem com prata, para não saírem dos caixões, evitando assim se exporem ao Sol e então fritarem como bacon na chapa.

Depois de ter sido confundida com um zombie, Pam decide apelar: dessa vez a métodos alternativos de cosmética, para TENTAR voltar a ser linda como era. Mas, parece que nem assim consegue; A senhora-curandeira consegue então remover o que está por fora, mas por dentro a pobre vampira continua por se decompor #pobrezinha

Tara então segue desolada e enquanto caminha numa estrada, Antonia a encontra. Mostra quem realmente é, dizendo que Marnie não estava mais ali pois permitiu que vivesse dentro de seu corpo, para realizar nas palavras dela: “O dever sagrado” de sacrificar todos os vampiros que tanto as fizeram mal, para vingarem assim seu sofrimento. Tara então aceita.
E então, começa a reunir pessoas para o círculo para deixa-lo cada vez mais forte.

Começa então o sofrimento dos vampiros, para terem alguma hipótese de sobreviver…
Bill tentando acalmar Jess, como uma espécie de pai protetor. E que para ela não sentisse tanta dor, coloca poucas correntes na vampira. Ginger ajuda Pam, a cobri-la com uma espécie de rede de prata. E claro, Sookie ajuda Eric tanto com as correntes quanto estando com ele durante todo o tempo. E enquanto dia vai raiando, os vampiros vão se declarando uns aos outros, como forma de despedida pois aquele pode ser os últimos momentos de suas existências.

Sam liga para Luna, e ela ainda irritada pela noite anterior acaba por mandá-lo catar coquinhos na beira do mato, hehehe.
Ele então decide ir procurá-la escola, para saber o que está acontecendo. E descobre então finalmente que Tommy se transformou nele.

No Marllote´s, enquanto Hol e Andy tem quase um encontro, até serem interrompidos pela crise de abstinência de V do xerife Lafayette vê a fantasma que “persegue” Mikey o bebê de Arline e descobre que a alma penada pensa ser a mãe do pobrezinho. Começo a achar que Lafayette pode dar uma forcinha contra a bruxa-malvada, Antonia.

Começou então o ritual contra os vampiros. Antonia se apresenta a todos, pergunta quem quer mesmo fazer parte do círculo e logo começam a magia.

Jason vai até a casa de Sookie, contar a boa noticia que não se transformou em pantera e fica sabendo sobre o feitiço que a bruxa está prestes a lançar nos vampiros.
Ele então sai correndo, para ajudar Jess a se salvar.

Todos os vampiros então começam a implorar para saírem ao Sol.
E nesse momento, Jessica consegue se soltar das correntes, e no seu transe começa a ir em direção a saída da casa. Jason correndo o máximo que pode, chega ao palácio de Bill mas é impedido de entrar pelos guardas. Por fim, vemos Jessica abrindo a porta, indo em direção a luz. Será que ela morreu? Infelizmente só saberemos no próximo capítulo, hehehe

Promo do oitavo episódio:

[pro-player type=’video’]http://www.youtube.com/watch?v=OqOp3w1nRVM

Outros episódios de True Blood:


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários