Review | Once Upon A Time 1×02: “The Thing You Love Most”

  Jéssica Pagliai  |    domingo, 13 de novembro de 2011

Estou gostando tanto! E vocês?

Agora ficamos conhecendo um pouco mais sobre a maldição, e o porque do pequeno Henry saber de tudo, uma vez que aparentemente a cidade de Storybrooke não se lembra, que estão presos entre os dois mundos o real e o dos contos de fada. Por Emma ter ficado na cidade, aparentemente o tempo voltou a correr…

Destruir a felicidade de todos, mesmo quando você só se preocupa com a sua própria não é uma tarefa fácil. Vai então até a fortaleza proibida encontrar com sua grande amiga Maléfica para pedir sua maldição de volta, já tinha emprestado para ela arruinar a Bela Adormecida a castigando por ter roubado sua essência. Em troca, recebeu a maldição de adormecer que não resultou, pois foi novamente desfeita por um beijo apaixonado. Tem então que a pegar a força, usando seu unicórnio de estimação como alvo de sua iram pois o amor é a maior fraqueza. Já com o tal poder em mãos, tenta a fazer porem sem sucesso…

Alguém tem alguma idéia de quem é o espelho no mundo real? Sim, ele é o jornalista da cidade que alem de ajudar a prefeita com as pesquisas, ainda os publica fazendo o trabalho sujo.

Henry tem um grande plano para quebrar a maldição, a Operação Cobra. Uma vez que tem a vantagem da Rainha não se lembrar, já que tirou o final do livro na parte que Emma aparecia. Mas mesmo tentando entrar na fantasia do filho, Emma parece mesmo estar preocupada com o menino e é por isso então, vai falar com o terapeuta. Muito atencioso, ele entrega o arquivo para que ela possa ver o quanto falam dela; Ao chegar ao hotel e pouco depois de começar a lê-lo é surpreendida pelo xerife, que a prende a acusando de roubo. Mas, Mary e o garoto vão a libertar.

Ainda empenhada com a Maldição das trevas a Rainha é aconselhada para desistir dos planos, pelo seu pai que tenta a proteger com todas as suas forças. E é então que vai perguntar a Rumpelstiltskin, o que está acontecendo de errado em seu plano fazendo então um acordo: no outro mundo ele se tornar poderoso e sempre poder contar com a ajuda dela sempre quando preciso e como pensa não se lembrarem disso, aceita. Para dar certo é preciso sacrificar o coração daquele que mais se ama, algo muito poderoso para uma maldição que acaba com todas as outras, dar certo. Já que quem ela tanto amava já estava morto, que era seu noivo que foi morto ainda não sabemos quando e nem por quem então não restava mais ninguém. Porem estava enganada, já que seu pai ainda estava vivo… E é então o coração dele, que usa e que lança o feitiço.

Enquanto isso Emma teimosa como é, mesmo sem carro e sem onde ficar continua na cidade. Regina a liga então, para conversarem em seu gabinete. E diz que ainda lá está por estar preocupada com o menino, que vive com alucinações o que acha que por conta disso ele não está bem. Mas era na realidade mais um plano da prefeita, já que o menino estava lá também e ouviu tudo o que sua mãe biologica disse, ficando muito chateado. Triste com a situação, e vendo que já não há mais porque ficar ali, pensa em ir embora e vai até Mary para devolver o dinheiro da fiança. Conversam e desiste da idéia de partir, e vai até a sessão de terapia para de desculpar de Henry e entrar de vez na história do garoto.

Assim como eu, vocês devem estar se perguntando: quem era o garotinho é no reino dos contos de fada não? Pois bem, Henry era o pai da Rainha Má, e esse provavelmente é o motivo de Regina, o amar tanto… Como ele morreu antes do feitiço, deve ser por isso, que ele é o único a saber de tudo…

Estou gostando tanto! E vocês?

Últimas reviews:


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários