Review | Falling Skies 1×01 e 02: “Live and Learn” e “The Armory”

  Eder Augusto de Barros  |    sexta-feira, 24 de junho de 2011

Steven Spielberg, é o resumo da série e ponto. Extra-terrestres, efeitos especiais, tiros, tem tudo isso, e tem pessoas também, muitas delas, de todos os tipos.

Steven Spielberg, é o resumo da série e ponto. Extra-terrestres, efeitos especiais, tiros, tem tudo isso, e tem pessoas também, muitas delas, de todos os tipos. Eu li em algum lugar que essa era uma séries de ficção científica e tal, sim, é, mas acima da ficção, é uma série dramática sobre pessoas, nenhuma Morena Baccarin vai aparecer tirando uma pele humana fictícia e escondendo um lagarto atrás disso, não é o objetivo da série. Mas vamos ao que interessa, as minhas primeiras impressões.

SPOILERS abaixo, se não quer saber, vá ler as notícias do dia, não diga que não avisei, vamos lá!

Quando a história começa, a terra já foi invadida pelos Skitters (é esse o nome deles), que são os extra-terrestres de seis pernas, e também existem os Mechs – que são os robos, bípedes, de ataque – nos, ficamos sabendo da invasão pela boca de Matt, o filho mais novo de Tom Manson (Noah Wyle), que tem mais dois filhos, Hal (Drew Roy) que combate lado a lado com o pai, e Ben, que aparentemente está  morto, assim como a mãe das crianças e esposa de Tom. Vimos a cena do caçula contando o ocorrido no sneak peek lançado recentemente, e também vimos a cena seguinte, onde Tom e Hal combatem com skitters e mechs por comida.

Os Skitters, utilizam os Mechs para confiscar e criar armadilhas em pontos onde haja comida e armas na terra, ou seja, para conseguir comida, tem que sair no braço com as aranhas-lagartos. Quando eles chegaram a terra, todos os aparelhos eletrônicos pararam de funcionar, eles destruíram todos os quartéis do exército, marinha e aeronáutica, as cidades grandes também foram destruídas, e hoje eles boicotam alimentação e armas para tentar capturar o máximo possível de pessoas. Quando começamos a ver a série, eles ja haviam invadido a terra à 6 meses, pelo que nos conta Matt.

A sequência do sneak peek que já tínhamos visto, conhecemos o local da força de resistência Mass2, é tipo, o acampamento onde Tom, Hal e Matt estão. Ele é parte de um acampamento maior de várias frações, Mass2 vem de Massachusetts 2. O acampamento é uma fração da organização regional dos sobreviventes, aquilo é tudo chefiado e organizado por ex-militares. Tom é responsável por combatentes que vão atrás de comida e armas, é tipo, a frente de combate, ele tem ao seu lado Hal e Karen (Jessy Schram) – namorada de Hal – que fazem as varreduras de moto. Tem o Dai (Peter Shinkoda), Anthony (Mpho Koaho), dois raparez cujo não lembro terem nomes citados até o momento, e um garoto, que pra mim, será uma peça importante, pois ao logo de 2 episódios ouvi dizerem ao menos 5 vezes que era um ótimo soldado, seu nome é Jimmy (Dylan Authors), tem 13 anos, e anda com rifles, C-4 e outras coisitas mais.

Hal Falling SkiesTom participa de uma reunião, onde um general ordena a movimentação dos grupos para outras áreas, e o Mass2 fica sob comando geral de Weaver (Will Patton) – o cara é mesmo um generalzão autoritário – e Tom será responsável pela comida, armas e defesa dos cívis, junto com tua equipe. No grupo também está Anne (Moon Bloodgood) – a mocinha, médica pediatra – responsável pelo bem-estar dos cívis, se é que se pode chamar de bem-estar. Bom, eis que o grupo sai em caminhada. Hal e Karen descobrem um armazém distribuição de comida aparentemente sem skitters, então ao meio da caminhada, Tom fala com o capitão, que não quer dispor homens para ele fazer a busca de comida, depois de muita insistência, ele libera 6 homens e a pickup, e algumas poucas armas para Tom e seus meninos, aquela trupe que eu listei acima. Lá vão eles, ficam de tocaia numa praça enquanto Hal e Karen dão mais uma vasculhada no local, nessa patrulha, Hal está próximo a área, quando aparecem dois Mechs e alguns humanos com eles, humanos naquelas né, como eles chamam, aproveitados, ou seja, os Skitters capturam, implantam qualquer coisa na galera e a galera fica sob comando deles, isso ainda não foi completamente explicado. No mesmo desses humanos está Ben (Connor Jessup) irmão de Hal e filho de Tom. Hal então volta desesperado ao encontro do pai para dar a notícia que o filho está vivo e que quer partir na busca de Ben, o pai fica feliz, mas hesita, percebe que não teriam chance, não aquela hora, em plena luz do dia. Os dois brigam feio, mas Hal acaba entendendo. Tom traça os planos da busca de comida, e ao anoitecer, partem para a missão.

Tom, Karen e Hal entram no armazem, fazem a varredura visual, aparentemente nada, entram com o carro e bora carregar a comida para dentro. Eis que surgem um Skitter, quase pega Hal, Tom intervém, trocam tiros, Hal foge pois está desarmado, Tom fica sem balas, surge um Mech, Tom, se esconde, arma um C-4, coloca num carrinho de compras e explode o Mech, falta o Skitter,  que o surpreende, mas é surpreendido por Dai, que o acerta na fuça. Nessa cena, conseguimos ter um close no Skitter, e ver o que eles realmente são. Comidinha recolhida, hora de voltar para a casa. Chegando em casa, aquela recepção calorosa, apenas Weaver não parece feliz em vê-los, e ficará ainda menos feliz, quando Tom o conta que sabe que Ben está vivo e que vão atrás, Weaver nega, Tom mostra sua irônia, tipo, eu vou, e foda-se você. Depois disso temos um cena do caralho, era aniversário de Matt aquele dia e tal, mas prefiro que você veja a cena, não sei se fui só eu, mas fiquei emocionado, talvez a trilha sonora tenha ajudado, ou a tensão anterior, ou pensar na situação dessas pessoas, como eu disse, é uma série sobre pessoas e não sobre ETs, enfim, fim do primeiro episódio.

O segundo episódio começa com a equipe de Tom invadindo um prédio, onde é suposto ter armas, foi esse a condição de Weaver para que ele fosse atrás de Ben, certificar primeiro o prédio. Estrátégia montada, o cão de Jimmy iria atrás de uma bolinha, para chamar o Mech para fora, e a equipe abatê-lo, tudo corre bem, até que o cão não volta com a bola, e Jimmy faz uma cagada descomunal ao ir atras do cão desarmado, mas tipo, 15 metros, o Mech aponta os lasers diretamente para ele, porém, Tom o salva , corre, o cão os segue e tudo acaba bem. A cena seguinte já é no dia seguinte, alguma enrolação, não vou me prolongar muito, pois isto já está longo. Nova conversa com Weaver, e este exige nova varredura no local, pela cagada de Jimmy, para ter a certeza que não há armas.

Maggie Falling SkiesAlguma enrolação – Tom, Anne, cívis, Weaver, discussão – que ainda vai render muito. A noite chega, nova varredura, sem Jimmy desta vez. Conseguem entrar sem problemas no prédio, nada de Mechs ou Skitters, no prédio, um dos homens de Tom é atingido por flechas no peito, começa uma troca de tiros, temos outros humanos la dentro, um dele é ferido, eles tinham pego Hal e Karen quando estavam separados do grupo, fazem o grupo se render, e toma todos por reféns. O homem atingido é irmão de  John Pope (Colin Cunningham) o chefão da zona. Terrorismos, sustos, aquelas merdas todas habituais, Tom mente, Pope desconfia, tenta matar Hal, e mata a charada, mesmo porque, segundo ele, já estava observando os Mass2 a duas semanas, só queria a certeza que Tom era dos Mass2, ele quer o carro, com a 0.50 (uma espécie de rifle) não sou bom com armas. Eis que, Pope chama Maggie (Sarah Carter), e manda colocar um capuz em Hal, e leva-lo para fora, para que vá negociar o acordo. Hal vai, ouve não de Weaver, que pede a Anthony para segurar Hal no acampamento, que vai lá com a galera fazer o bicho pegar, Anthony finge ser dominado por Hal, que tem ajuda de Anne, vão os dois ao encontro de Maggie de novo. Anthony atrasou o exercito. Ao chegar, Anne que é médica oferece ajuda com o irmão, Pope aceita, em termo, deixa apenas Maggie, um grandalhão e o irmão, e vai com resto atrás da 0.50, enquanto Anne cuida do rapaz, Pope tá lá, malandrão tentando dominar o acampamento, ele quer comida, o carro e a 0.50.

De volta a sala dos reféns, o irmão já ta melhor, começa com brincadeira idiota e pede a Karen para levantar, e dar uma voltinha, solta umas palavrinhas sujam, Hal tem uma arma na cabeça, não pode fazer grande coisa, ele insinua querer estupra-lá, ei que ocorre uma cena meio crucial, Maggie pergunta a Anne se ele ja está curado, a resposta é si, então Maggie, mata o irmão, mata o grandalhão, explica que o irmã já a havia estuprado, e fonge com a galerinha do bem, eles chegam no acampamento, dominam a galera de Pope, e fica só o Pope vivo, como refém. Alguma enrolação, e o episódio acaba com Weaver liberando o pessoal de Tom para buscar Ben, Maggie sabe onde eles estão.

Fui longo, eu sei, mas é um série meio complexa a primeira vista, e estes eram os dois primeiros episódios, tentei explicar ao máximo o que é o que ali. Bem, eu gostei, gostei da trama, do drama, dos efeitos especiais, do Spielberg, do Skitters, dos Mechs, do Tom e do Hal, é um dupla brilhante, pai e filho. a Karen também é boa, em todos os sentidos possíveis. A Anne é a doutorazinha apaixonada pelo professor (Tom é professor de história). Maggie parece que veio somar, apesar de ter uma cara de louca. Anthony para ser o fodão da parada. E Jimmy, esse esconde algo, não é comum um garoto de 13 anos ser tão bom com soldado.

Se você gostou de Lost e The Walking Dead, vais adorar Falling Skies, promete, é curta, só 10 episódios, veio numa season do ano pouco movimentada, acertou em cheio, não vai ser a melhor da temporada, mas vai ser renovada com certeza, e muita gente vai acompanhar.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários