Review | Arquivo X 10×02: “Founder’s Mutation”

Luiz Alexandre Andrade
@luizalexandre82

  quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Review | Arquivo X 10×02: “Founder’s Mutation”

“Founder’s Mutation” é um episódio essencial para a retomada da série

Fox Mulder e Dana Scully estão de volta ao FBI e na primeira investigação terão que descobrir o mistério que envolve a morte de um funcionário da Nugenics Technology. O caso irá revelar um programa secreto envolvendo crianças com doenças genéticas jogando Fox e Dana em suas emoções mais profundas.

O segundo episódio da nova temporada de Arquivo X possui as características de um caso isolado causando uma sensação de quebra com o episódio anterior. O que parece estranho dado a quantidade de novas informações e questões que rodearam Mulder e Scully em “My Struggle”. Seria interessante ver o prolongamento dessa trama mesmo para diluir melhor o que vimos anteriormente desenvolvendo com mais calma o que parece ser uma nova mitologia que quer se criar para a série. No entanto o episódio funciona e é feliz por colocar os agentes de volta ao trabalho.

Mulder está de volta aos “Arquivos X” e ao lado de Scully está empenhado em descobrir o que o governo está fazendo com tecnologia alienígena. O que nos leva a misteriosa morte de um dos funcionários da Nugenics Technology, que possui contrato com o Departamento de Defesa dos Estados Unidos. É por isso que Mulder está tão interessado na investigação, por ter a possibilidade de acessar alguma informação que comprometa o governo.

Porém o que os agentes descobrem vai além do que meros dados que um computador pode revelar. A Nugenics vem desenvolvendo um programa de pesquisa utilizando crianças com doenças genéticas, responsáveis por intensas deformações em seus corpos. São assustadoras tais deformações. O mais bizarro fica por conta de sabermos que as crianças podem ter sido “arrancadas” do ventre das mães.

Por trás da experiência está Augustus Goldman, fundador da Nugenics e responsável pelo programa de pesquisa com as crianças. Mulder e Scully descobrem que o próprio fundador realizou pesquisas e experiências genéticas nos próprios filhos. Para os dois, Augustus tem realizado projetos para o governo utilizando DNA alienígena.

xfiles1002-1

Esse episódio merece a atenção em dois pontos: primeiro por trazer os agentes à ação num caso isolado, típico dos casos investigados não relacionados à mitologia da série. É interessante ver a atualização dos recursos que Mulder e Scully dispõem agora que não possuíam na década de 1990. Porém eles não são colocados como “dinossauros”, mas sim frutos de uma época que a experiência é uma grande aliada numa época de informação instantânea e passageira. “Sou a moda antiga, Mulder. Pré-Google”, atira Scully.

Um segundo ponto relevante foi quanto o caso envolvendo as crianças com doenças genéticas mexeu com os agentes. Scully é a primeira a revelar o quanto ainda sente a falta do filho, William. As cenas onde ela vive uma vida paralela ao lado de William são emocionantes e pegam os fãs mais fervorosos da série que acompanharam a saga de Scully e seu filho. Mulder diz que também sente a falta de William, mas garante que a escolha de Scully foi a mais certa e assim seguiu em frente. Mas não é bem assim. Mulder também ficou mexido e provavelmente não seguiu em frente como disse a Scully no intuito de consolá-la. A sequência final do episódio onde Mulder está com o filho também e muito emocional. Mulder chega a citar um trecho do famoso discurso do presidente John Kennedy anunciando o projeto de levar o homem à Lua. Porém assim como o “sonho” de Scully que terminou num terrível pesadelo de ver seu filho transformando num alienígena, Mulder revive o trauma da abdução da irmã, agora com seu filho.

“Founder’s Mutation” é um episódio essencial para a retomada da série visto que a dinâmica de trabalho e parceria entre Mulder e Scully fica muito bem mais desenvolvida do que no episódio anterior. Foi muito inteligente por parte da FOX em exibir os episódios em dias seguidos (aqui no Brasil foram exibidos no mesmo dia, um após o outro), pois além de termos o retorno de Mulder e Scully e de uma nova trama conspiratória, os fãs de Arquivo X e a nova audiência tiveram a oportunidade de sentir mais uma vez a dinâmica de companheirismo e amizade de Fox e Dana.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários