Ned Flanders encarna o serial killer Dexter no especial de Halloween dos Simpsons

Desde 1990 que, todo ano, Os Simpsons exibem um episódio especial de Halloween, conhecido como “Treehouse of Horror”. Esses episódios são normalmente muito mais sombrios e sangrentos que a sério normalmente e sempre são divididos em três pequenas histórias. Como é claro, eles não contribuem para a continuidade da série, são apenas especiais.

Numa das histórias do especial de Halloween desse ano, chamado “Treehouse of Horror XXII”, Ned Flanders vai expor seu lado Dexter Morgan e agir como um serial killer. O vizinho de Homer é um religioso fervoroso e, na trama, vai achar que Deus está dizendo para que ele assassine algumas pessoas.

Uma cena do episódio foi exibida na Comic-Con 2011 e agora foi divulgada, com exclusividade, pelo Entertainment Weekly. O vídeo, onde o desenho brinca com a sequência de abertura da série do Showtime, está lá em cima.

Treehouse of Horror XXII deve ir ao ar no dia 30 de outubro, na FOX americana.

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...