Hannibal pode ser salva pela Amazon

Eder Augusto de Barros
edaummm

  sexta-feira, 26 de junho de 2015

Hannibal pode ser salva pela Amazon

Netflix quer, mas contrato de exclusividade com a rival Amazon dificulta

Mais um capítulo para a novela Hannibal, depois de ser cancelada no início da semana, e logo começarem os papos de salvamento, a coisa ganhou uma escala maior nesse novo episódio. Bryan Fuller, criador da série, deu uma entrevista ao The Hollywood Reporter e falou sobre as verdadeiras possibilidades de Hannibal ressuscitar mesmo antes de morrer já que sua terceira temporada está em exibição e ainda no começo.

Fuller comentou na entrevista que as primeiras conversas para salvar a série tiveram bons resultados, muitos canais mostraram interesse e o principal candidato até o momento é a Amazon. O Netflix, que já tinha mostrado interesse em adquirir a série quando o papo sobre cancelamento começou na segunda temporada, continua querendo fazer de Hannibal uma produção original do serviço, porém, um contrato entre a produtora do seriado e a Amazon para exclusividade de exibição de todas as temporadas praticamente tirou o Netflix da jogada, já que Hannibal atualmente possui exclusividade da Amazon.

Fuller comentou ainda que atualmente acha que as chances de Hannibal ser salva estão 50-50%, ele não quer se animar muito para não se decepcionar quando pequenos detalhes estragarem o negócio. Aliás, um desses detalhes pode ser o envolvimento de Bryan na série American Gods, como dissemos aqui. Ele está por traz da adaptação do livro de Neil Gaiman e caso role o salvamento mesmo, isso estará na pauta, será necessário que ele divida seu tempo entre Hannibal e Deuses Americanos, ele faz questão disso.

Enquanto isso os fãs da série estão bombando no twitter com as hastags #SaveHannibal e #SaveHannibalAmazon.

A terceira temporada de Hannibal está no quarto episódio e é exibida sempre as quintas-feiras nos Estados Unidos. No Brasil o AXN vai começar a passar o terceiro ano da série na próxima semana.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários