Descubra o porque Mazzara foi demitido de The Walking Dead

Eder Augusto de Barros
edaummm

  quarta-feira, 09 de janeiro de 2013

Descubra o porque Mazzara foi demitido de The Walking Dead

E veja também um novo poster da segunda parte da terceira temporada.

Você obviamente se lembra de um anúncio que fizemos a cerca de três semanas atrás que dava Glen Mazzara fora da quarta temporada de The Walking Dead, e inclusive todo mundo achou estranho tendo em conta que Mazzara estava fazendo uma ótima terceira temporada.

Bom, o The Hollywood Reporter divulgou uma nota dando o motivo por trás da saída de Mazzara: Robert Kirkman, criador da HQ que originou a série, não está de acordo com a visão artística do showrunner.

O THR disse ainda que alguns colegas dentro da série descrevem Kirkman como possessivo com sua criação e com necessidade de estar no controle. Na época da notícia, houve uma rápida discussão à respeito da notícia no glorioso Botecão do Jack, e esse foi justamente o motivo apontado para a saída de Mazzara.

Kirkman entende de sua obra e é possessivo com ela. Certo. Mas não entende nada de televisão, por isso ele precisa de um showrunner, isto é um fato. Porém a AMC não quis se indispor com o dono da criação pois poderia criar um mal-estar com fãs dos quadrinhos. Alguns executivos da série teriam apoiado a decisão de Kirkman.

Como eu disse na discussão já citada, acho que a melhor decisão é dar o poder de showrunner à Kirkman e deixar que ele tome o controle, pois esse troca-troca de produtores pode também ser prejudicial à série.

Mas vamos falar de coisa boa, saiu também um poster da segunda metade da terceira temporada de The Walking Dead. O poster traz parte de um famoso ditado popular: olho por olho…

S3WalkingDeadcartaz

A terceira temporada de The Walking Deead voltará a ser exibida no Brasil no dia 12 de fevereiro de 2013 pela Fox.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários