Contrato entre Netflix e BBC termina no dia 31 de Janeiro!

Leandro de Barros

  terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Contrato entre Netflix e BBC termina no dia 31 de Janeiro!

Séries como Doctor Who e Luther podem sair da Netflix caso contrato não seja renovado

Péssimas notícias à vista para assinantes da Netflix e fãs de Doctor Who e outras produções britânicas: o contrato entre o serviço de streaming e a BBC termina no fim de Janeiro!

A partir do dia 31 desse mês, séries como Doctor Who, Luther, Top Gear, Torchwood e outras serão retiradas do catálogo da Netflix SE o contrato do serviço com a BBC não for renovado. Quais as chances de renovação? Não muitas.

Em Dezembro de 2014, o diretor de TV da BBC, Danny Cohen, foi citado pelo jornal Daily Mail reclamando do contrato entre a emissora e a Netflix, o que pode ter manchado a relação entre as duas empresas e dificultado a renovação desse contrato.

Confira a lista do material da BBC atualmente no catálogo internacional da Netflix:

  • A Bit of Fry & Laurie (1987-1995)
  • All Creatures Great and Small (1978-1990)
  • Black Adder (1983-1989)
  • Canterbury’s Law (2008)
  • Copper (2012-2013)
  • Coupling (2000-2004)
  • Dr. Who (1964-1989)
  • Dr. Who (2005-2012)
  • Fawlty Towers (1975-1979)
  • House of Cards (1990-1995)
  • Hyperdrive (2006-2007)
  • Little Britain (2003-2004)
  • Luther (2010-2013)
  • MI-5 (2002-2011)
  • Michael Palin Travelogues
  • North & South (2004)
  • Primeval (2007-2011)
  • Red Dwarf (1988-2009)
  • Survivors (2008-2010)
  • Torchwood (2006-2011)
  • Top Gear (2003-2013)
  • Walking with…series (1999-2005)
  • Wallander (2008-2012)

Além de todas essas séries, filmes como Mad Max e Zodíaco também deverão deixar o catálogo do serviço, embora não haja relação entre esses longas e o contrato com a BBC.

Caso BBC e Netflix se acertem e renovem o contrato, a gente avisa por aqui.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários