Review | The Walking Dead 2×10: “18 Miles Out”

Rick Grimes em 18 Miles Out

Esse foi o primeiro episódio de TWD em que eu realmente me decepcionei. Vários erros foram cometidos. Já era para eu ter dito isto no oitavo episódio, mas respeitei porque o episódio foi razoávelmente bom, mas o novo showrunner é uma besta ou não tem pulso firme. A quantidade de repetições nesse episódio é impressionante. Começa com um flashforward. Shane olhando no espelho quebrado em Save the Last One e olhando pelo vidro do carro em 18 Miles Out. A história do suicídio.

Sem contar que aproveitaram ou “plantaram” a suposta morte de Shane para o episódio com rumores e promos que apontavam para essa solução, mesmo não sendo o desfecho ideal para o episódio, tenho de elogiar a maneira como se aproveitaram da situação, colocaram Rick num posto superior a Shane, duas vezes no mesmo episódio, e ainda não precisaram matar o rapaz. Só queria entender mais qual o objetivo de terem feito isso.

Mais uma coisa que não achei interessante no episódio além de repetido, foi o caso do suicídio com a filha do Hershel. Sério que precisava de tanto destaque nisso? O pau comendo lá fora, Rick e Shane quase se matando, e eu lá quero saber se uma personagem que apareceu três vezes na temporada vai se matar? Se mata logo guria, porra!

Não há como negar que a sequência tentando sobreviver aos zumbis de Rick, Shane e Randall (o garoto da perna) foi boa, foi mesmo. Mas incoerências também estavam ali. Então Shane repara que os zumbis não tem mordidas, e questiona Rick se podem ser os arranhões e tal. Certo, todo mundo sabe que normalmente são os arranhões, mas Rick deu de ombros, nem ligou, respondeu “é, devem ser os arranhões” com uma certa displicência. Por que? Provavelmente porque ele sabe que estão todos infectados, e isso é o que Dr. Jenner falou ao seu ouvido no season finale da primeira temporada, mas deram tão pouco destaque à essa cena que se não estivesse atento, não tinha reparado.

A parte boa do episódio foi quando Randall disse que conhecia Maggie e Hershel. A casa caiu maluco. Foi ai que a coisa desandou de vez, mas foi um bom argumento dos roteiristas usarem isso para o inicio da briga de Shane e Rick, pois realmente isso os assustou. Só acho que o fim poderia ter sido diferente, Rick não deveria ter se comovido com os dois zumbis policiais e lembrar de seu amigo e voltado para ajudá-lo. Penso que os roteiristas da série estão com dó de matar Shane.

Uma pergunta no ar. Como Rick todo arranhado na cara, com a mão cortada pela faca não se infectou com 3 zumbis por cima dele, e ele ainda explodiu a cabeça de um. Vai me dizer que ele é um sortudo e não pingou nenhuma gotinha de sangue infectado nele?

Enfim, para terminar, destaque para o zumbi vagando sozinho no campo, grande cena!

Promo do próximo episódio: Judge, Jury, Executioner

http://www.youtube.com/watch?v=iG3Hfas9W0k

Sneak Peeks de Judge, Jury, Executioner

http://www.youtube.com/watch?v=S8oGO3WtX_4

Últimas reviews:

The Walking Dead é uma série de tv baseada na obra de Robert Kirkman e tem no elenco: Andrew Lincoln (Rick Grimes), Jon Bernthal (Shane Walsh), Sarah Wayne Callies (Lori Grimes), Laurie Holden (Andrea), Jeffrey DeMunn (Dale Horvath), Steven Yeun (Glenn),Chandler Riggs (Carl Grimes), Norman Reedus (Daryl)IronE Singleton (T-Dog) e outros. A série vai começar a ser exibida na Band em março.

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...