Segundo guitarrista, Kurt tinha material para ser publicado

  Matheus Pessôa  |    terça-feira, 10 de abril de 2012

Eric Erlandson diz que os fãs ficariam realmente muito mais felizes se esse material fosse de fato lançado

KURT COBAIN ESTAVA GRAVANDO UM ÁLBUM SOLO

Eric Erlandson, ex guitarrista do Hole e muito amigo de Kurt Cobain, revelou em entrevista ao site Fuse TV , revelou que Kurt Cobain, ex-vocalista do Nirvana, estava preparando um álbum solo com algumas faixas acústicas:

Kurt estava indo em uma direção realmente muito produtiva. Aquilo teria sido o seu Álbum Branco”, disse fazendo uma referência ao álbum dos Beatles; Segundo ele, músicas que foram feitas por Kurt na época foram gravadas só que nunca chegaram a vir ao público. Ele ainda revela a tristeza que sentiu pela morte do amigo, e que Cobain havia mostrado essas músicas para ele:

“Era para isso que ele estava seguindo, um álbum solo mas trabalhando com pessoas diferentes. Eu estava muito empolgado com algumas das coisas em que ele estava trabalhando. Eu tive a oportunidade de vê-lo tocar isso para mim. Por isso eu fiquei muito abalado [quando ele morreu]. Pensei, ‘Ah, cara, não só você está interrompendo sua vida, mas uma ‘mensagem para o mundo’, um caminho musical que ficou nas mãos de… Bush e todas essas bandas [risos]. Seu sucesso foi cortado pelo meio. Quem sabe onde a música teria ido”, explicou ao site.

Mais que isso, o guitarrista do Hole também disse que espera que um dia esse material gravado seja publicado para a felicidade dos fãs por todo mundo:

“Existe um cover [gravado]… Eu não vou dizer o que é, não tenho os direitos sobre isso. Só espero que um dia seja lançada para os fãs. (…) Ouvi algumas conversas de alguém reunir algumas coisas bem simples e acústicas, que seriam mais íntimas que o box [With the Lights Out, de 2004], porque todas aquelas pequenas jams tiveram que sair [do box]. Eles incluíram algumas músicas, mas ainda há material que nunca foi lançado”, declarou.

” Apenas desejo que coisa aconteça. Acho que os fãs ficariam realmente muito mais felizes se esse material fosse de fato publicado. Mas se ninguém mais ouvir essas músicas, exceto por umas três pessoas, então… vai ser assim”, terminou Eric Erlandson.

Mas muitos especulam que mesmo se Kurt Cobain não tivesse morrido naquele fatídico dia 5 de Abril de 1994, a banda não teria durado muito mais tempo que isso.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários