The Walking Dead: A Ascensão do Governador vai ganhar sequência!

  Leandro de Barros  |    terça-feira, 10 de abril de 2012

Livro entitulado The Walking Dead: The Road to Woodbury deve ser lançado em outubro nos EUA

Aparentemente, a série The Walking Dead não possui limites para o seu Toque de Midas.

Depois de um sucesso absurdo nos quadrinhos e na TV, a franquia ganhou uma adaptação em formato de livro, lançado no Brasil pela Galera Record no último mês sob o nome de The Walking Dead: A Ascensão do Governador. Adivinhem? O livro também é sucesso de vendas.

Tão sucesso, que a sua continuação já foi anunciada pela editora Thomas Dunne Books e pelos autores Robert Kirkman e Jay Bonansinga.

Intitulado The Walking Dead: The Road to Woodbury, o novo livro continuará exatamente de onde A Ascensão do Governador parou. “Será uma sequência direta de A Ascensão do Governador. Nós encontraremos novos personagens conforme eles vão para Woodbury, veremos como Woodbury foi fundada e como o Governador continua a crescer como personagem. Tudo isso acontecerá antes de encontrarmos o Governador nos quadrinhos e ainda há muito mais histórias para contar com esse cara. Nós tamém daremos atenção à outros personagens, como Lilly. Será divertido explorá-los novamente“, disse Kirkman em entrevista à Amazon.

The Walking Dead: The Road to Woodbury deve chegar às lojas americanas em outubro desse ano e ainda não há previsão de lançamento no Brasil. Na série de TV, o Governador deve surgir na próxima temporada, interpretado por David Morrissey.

Você ainda não leu The Walking Dead: A Ascensão do Governador? Então, presta atenção nas dicas dos participantes da Dominação Distópica pra se dar bem. O Capitol fez uma resenha ótima do livro e está promovendo um sorteio pra quem quiser ganhar um exemplar do livro de presente. O Distrito 7 também fez resenha e também está fazendo um sorteio. Corre lá pra participar.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários