Stan Lee fala sobre sua morte e posição na Marvel em entrevista à Playboy

Leandro de Barros

  quinta-feira, 20 de março de 2014

Stan Lee fala sobre sua morte e posição na Marvel em entrevista à Playboy

Criador dos principais personagens da Casa das Ideias fala sobre alguns temas que passam pela cabeça de todos nós

Stan LeeMorte, Ultron e doenças sexualmente transmissíveis. Eis alguns temas que passam pela cabeça do ser humano de hoje em dia e foram debatidos por Stan Lee, lenda viva da indústria dos quadrinhos norte-americana, em sua mais recente entrevista à revista Playboy.

Nessa entrevista, Stan Lee apresenta uma versão menos animada do que o personagem que normalmente interpreta quando é convidado a falar em público sobre suas criações – mas a gente consegue ver que esse “Stan Lee público” é apenas uma versão aumentada do próprio cara.

Um cara plenamente consciente da sua própria mortalidade, quando diz o seguinte:

Eu sei que a minha morte já está escrita. Está nos computadores do New York Times em algum lugar. Já está tudo pronto pra ser publicado. Não dá para evitar. E eu tive uma vida feliz. Não quero que ninguém pense que eu tratei o Kirby ou o Ditko de maneira injusta. Acho que nós tivemos um relacionamento maravilhoso, o talento deles era incrível. Mas não estava em meu poder dar à eles o que eles queriam.

Eu estou sempre olhando pra frente, mesmo nessa idade. Sabe, meu lema é ‘Excelsior’, que é uma palavra antiga que significa ‘pra cima e pra frente em direção à uma glória maior’. Está no selo do estado de Nova York. Continue em frente e, se estiver na hora de ir, então está na hora de ir. Nada dura pra sempre. Caramba, eu tenho 91 anos de idade. Se eu tiver de morrer enquanto estou falando com você, eu terei vivido uma vida longa o suficiente. Eu odiaria ter de deixar minha esposa e minha filha, mas os céus sabem que isso está além de mim. E eu nem mesmo acredito ‘nos céus’

Lee também falou sobre o vindouro Os Vingadores 2: A Era de Ultron, que deve chegar aos cinemas no ano que vem:

Se eu estou animado pra ver esse filme? Claro. Mas eu tenho de ser honesto: eu não faço a menor ideia de quem é Ultron. Ele foi um personagem criado depois que eu deixei de estar envolvido com as histórias dos Vingadores. Eu perguntei à alguns caras no escritório quem era Ultron, mas então meu telefone tocou e eu acabei ficando ocupando e nunca descobri. A Marvel já introduziu tantos personagens em situações estranhas, que é difícil acompanhar todos eles

Por fim, Stan Lee também comentou sobre o papel que cumpre atualmente na Marvel:

Principalmente, eu sou um rostinho bonito que eles mantém para o público. Não tenho posição nenhuma na Marvel onde decido quais projetos serão feitos ou quem será contratado – e certamente nenhuma posição na Disney, que agora é dona da Marvel. Eu sou um cara que eles contratam como roteirista ou produtor e também para ir à convenções e coisas do tipo

Obviamente que a gente sabe que Stan Lee não vai durar pra sempre e que existem passagens na história dele dentro da Marvel, principalmente envolvendo Steve Ditko e Jack Kirby, que não são exatamente o que as pessoas pensam, mas Stan Lee é um dos poucos que ainda mantém a magia e a graça dessa indústria, cada vez mais chata.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários