Nova Sampa vai lançar Yakuza Girl e Old Boy no Brasil!

  Leandro de Barros  |    quarta-feira, 05 de setembro de 2012

Marcelo Del Greco anuncia dois novos mangás sob o selo da Nova Sampa

Por dez anos, Marcelo Del Greco foi o nome dos mangás dentro da JBC, uma das editoras nacionais que mais investe em quadrinhos japoneses. Porém, em maio desse ano, Del Greco saiu da editora, dando lugar à Cassius Medauar como editor de mangás da JBC.

Em Junho, Del Greco acertou com a Nova Sampa e levou a editora a voltar para o mercado dos quadrinhos asiáticos, já que na década de 90 a Nova Sampa começou (e não terminou) a publicar Crying Freeman e Lobo Solitário no Brasil. O primeiro mangá da nova fase da editora seria Kyou Kara Hitman, que ainda não começou a ser publicado por aqui.

Porém, contudo e todavia, a Nova Sampa deve vir mesmo com tudo no mercado de mangás nacional, já que Del Greco anunciou hoje no seu Facebook duas novas obras que sairão no país sob o selo da editora: Yakuza Girl e Old Boy.

Yakuza Girl é um mangá de 2 volumes de autoria de Motonaga Masaki que gira em torno de Senguu Fumihiro, um garoto que busca encontrar uma boa esposa para cumprir uma promessa feita à sua avó. Porém, as coisas mudam quando os alunos da nova escola de Fumihiro começam a se matar numa briga de gangue incentivada pela própria escola. Sorte do rapaz é que ele é salvo por Akari, uma garota da Yakuza.

O mangá possui bastante violência e uma veia ecchi bem acentuada, entrando na concorrência com mangás como Highschool of the Dead e Freezing, publicados no Brasil e que também possuem as mesmas características.

Já Old Boy é um velho conhecido de quem se liga no cinema coreano. Ou pelo menos no filme mais famoso que já veio de lá. Criado por Tsuchiya Garon, o mangá de 8 volumes conta a história de um homem que fica preso durante 10 anos, sem saber onde ou o porquê. Quando ele consegue sair da sua “prisão”, a única coisa em sua mente é o desejo de descobrir quem fez isso com ele e se vingar à altura.

O mangá foi adaptado em 2003 para um filme pelo cineasta Park Chan-Wook e ganhará uma nova adaptação cinematográfica, dessa vez em Hollywood, dirigida por Spike Lee.

Seja como for, já se trata de um dos principais títulos do mercado nacional de mangás em 2012, que volta a se aquecer bastante. Ainda não estamos como estávamos em um futuro não-tão-distante, mas com Old Boy, Rurouni Kenshin, Dragon Ball, Monster… já é alguma coisa.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários