Nêmesis, de Mark Millar, chega ao Brasil em fevereiro

Leandro de Barros

  quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Nêmesis, de Mark Millar, chega ao Brasil em fevereiro

Panini divulga detalhes do lançamento de Nêmesis no Brasil

Foi em agosto do ano passado que a Panini anunciou que publicaria Nêmesis, uma das obras originais de Mark Millar, no Brasil. Porém, o tempo passou e nada da publicação rolar e nem da editora fornecer informações mais concretas sobre o lançamento (como data, páginas, preço, etc).

Agora, cerca de 5 meses depois, a Panini finalmente esclarece todos os pormenores sobre Nêmesis no Brasil. De acordo com a editora, a graphic novel chegará à Pindorama em volume único de 116 páginas, capa dura e miolo em papel couché (formato 17×26 cm). Além das quatro edições da minissérie original, Nêmesis será publicado no Brasil com as capas originais de Steve McNiven e as alternativas de Leinil Francis Yu e John Cassaday, além de um posfácio e uma capa feitos por Mark Millar. O preço sugerido é de R$ 21,90 e o lançamento está marcado para fevereiro.

Sinopse oficial: “Ele é um filho do privilégio, herdeiro de bilhões após a morte de seus pais. Possui uma frota de carros de luxo, um hangar cheio de aviões e incontáveis traquitanas tecnológicas ao seu dispor. Trajando uma máscara e uma longa capa esvoaçante, ele é um homem de branco lutando incansavelmente pela causa em que acredita. Mas, se você pensa que Mark Millar e Steve McNivenestão contando uma história que você já ouviu, está enganado: você saberá que tem em mãos algo completamente diferente ao virar a primeira página. Nêmesis persegue a violenta fantasia de dar vida ao maior de todos os vilões numa atrevida e implacável epopeia de ação, ultraviolência e humor hiperbólico ao estilo Millar (Kick-Ass, O Procurado) e McNiven (Guerra Civil)!

Lembrando sempre que Nêmesis deve ser transformado em filme pela 20th Century Fox em breve.

via Wizmania


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários