J.K. Rowling fala sobre a relação de Lupin e Tonks e sobre viagem temporal em Harry Potter

Leandro de Barros

  quarta-feira, 31 de julho de 2013

J.K. Rowling fala sobre a relação de Lupin e Tonks e sobre viagem temporal em Harry Potter

Para comemorar o aniversário de J.K. Rowling e do próprio Harry Potter, últimos capítulos de Prisioneiro de Azkaban são liberados no Pottermore, com várias informações novas

Originalmente, o Pottermore seria uma “nova experiência de leitura” da saga Harry Potter, que misturaria a leitura com alguns elementos de jogos. Porém, a parte mais interessante do projeto sempre pareceu o fato de que informações inéditas seriam divulgadas aos poucos, conforme os livros eram liberados no sistema do site.

O terceiro livro da saga, Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban, foi disponibilizado recentemente no Pottermore, em prestações: os primeiro sete saíram em Dezembro do ano passado, os sete seguinte saíram em Abril desse ano e os sete últimos foram divulgados hoje, aniversário de J.K. Rowling (parabéns, sua linda!) e do Harry Potter (parabéns, jovem!).

Com esses sete últimos capítulos, Rowling liberou também uma série de informações sobre a saga Harry Potter, mais precisamente sobre dois temas: a vida de Remo Lupin e viagens temporais.

Sobre o primeiro tema, o que destaca-se é a relação entre Lupin e Tonks, que foi mais aprofundada pela escritora. O texto revela como eles se conheceram, como se apaixonaram, como são seus filhos, como foi o casamento deles e outras coisas. Você pode ler tudo aqui (só se tiver conta no Pottermore, claro), mas abaixo fica um pequeno registo de como os dois bruxos se apaixonaram:

tonks e Lupin

Remo, sempre tão melancólico e solitário, primeiro ficou divertido, depois impressionado e então seriamente tocado pela jovem bruxa. Ele nunca tinha se apaixonado antes. Se tivesse acontecido em tempos de paz, Remo teria simplesmente viajado para algum novo lugar e para um novo trabalho, para que ele não tivesse que suportar a dor de ver Tonks se apaixonar por algum belo e jovem bruxo no escritório dos Aurores, o que se esperava que acontecesse. Porém, eram tempos de guerra; os dois eram precisos na Ordem da Fênix e ninguém sabia o que o novo dia traria. Remo sentiu que podia ficar exatamente onde estava, mantendo seus sentimentos para si mesmo, mas secretamente se alegrando cada vez que alguém o colocava com Tonks em alguma missão noturna. Nunca ocorreu à Remo que Tonks pudesse corresponder aos seus sentimentos, porque ele se tornou tão acostumado a se considerar impuro e indigno. Uma noite, enquanto estavam de tocaia do lado de fora da casa de um conhecido Comensal da Morte, depois de um ano de uma crescente e calorosa amizade, Tonks fez uma observação sobre um dos seus colegas da Ordem da Fênix (‘Ele continua tão bonito, não é? Mesmo depois de Azakaban’). Antes que pudesse se controlar, Remo respondeu amargamente que ele supôs que ela tinha se apaixonado pelo seu velho amigo (‘Ele sempre consegue as mulheres’). Com esse comentário, Tonks respondeu com raiva: ‘Você saberia perfeitamente por quem eu me apaixonei, se não estivesse tão ocupado sentindo pena de si mesmo para notar’

Sobre viagens no tempo, Rowling disse que, apesar de ser um recurso útil na hora, ela teve de ter cuidado para que ele não a complicasse no futuro: “Eu fui até o assunto da viagem no tempo em Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban com o coração muito leve. Apesar de não me arrepender (Prisioneiro de Azkaban é um dos meus livros favoritos na série), o recurso acabou abrindo um vasto número de problemas para mim. Afinal, se bruxos podiam voltar no tempo pra resolver seus problemas, o que aconteceria com os meus plots futuros?“.

Rowling afirmou que teve de lidar com o problema em estágios. Primeiro, era preciso que Dumbledore e Hermione enfatizassem o quão perigoso era mexer com o passado e os problemas que viagem no tempo poderiam causar. Depois ela fez com que a Hermione devolvesse o único Vira-Tempo disponível em Hogwarts, para preparar o último passo do plano: quebrar todos os exemplos do dispositivo que estavam no Ministério da Magia, no quinto livro.

Em uma notícia relacionada, o artista Kazu Kibuishi liberou a última capa alternativa da franquia desenhada por ele. Os 7 livros de Harry Potter ganharão uma edição especial nos EUA, para comemorar os 15 anos da série no país. Uma box especial será lançada, com todos os livros com artes novas.

Veja abaixo todas as capas, uma arte de Hogwarts e a capa da box:

[nggallery id=872]


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários