Exército americano está produzindo uma armadura ao estilo da do Homem de Ferro!

Se tem um país de gosta de guerrear, esse país é o Estados Unidos da América. Nos últimos, sei lá, 100 anos foram umas 13 guerras onde os caras participaram ativamente. Só no Século XXI foram 4.

Isso sem contar o fato deles possuírem um dos maiores exércitos do mundo e, facilmente, o maior orçamento de gastos militares do planeta (só o exército americano gasta cerca de 41% de toda a grana gasta em gastos militares do mundo – mais do que os 13 outros países no ranking dos maiores orçamentos armamentistas do mundo).

Por isso, se tiver alguém que irá entregar algum tipo de arma de guerra como as que vemos em filmes, não é uma surpresa quando constatamos que esse alguém acaba sendo o Exército Americano.

Iron ManSegundo o Marshable, o exército ianque está desenvolvendo uma armadura de batalha “ao estilo Homem de Ferro”, para ser usada em futuras operações militares americanas.

A armadura, chamada de TALOS (Tactical Assault Light Operator Suit, algo como Traje Leve de Operação Tática de Assalto), será feita por uma espécie de líquido-cerâmico feito através de nanotecnologia. No momento em que esse revestimento líquido é atingido por algo (como uma bala), ele se transforma em uma proteção muito mais resistente.

A transição ocorre quando você é atingido com força. Essas partículas se organizam rapidamente no local, de uma maneira que elas não possam mais fluir e se transformam em algo sólido“, explica Norman Wagner, professor de engenharia química da Universidade de Delaware.

Além dessa proteção contra balas, a armadura também possui um suporte anexável que fornece uma camada extra de massa e força no formato de um exo-esqueleto (descrito como algo parecido com o traje usado por Sigourney Weaver em Aliens e que pode fornecer força sobre-humana ao usuário). Braços e pernas hidráulicos, que forneceriam velocidade e mobilidade à armadura, também estarão disponíveis.

Para completar, TALOS ainda contará com sensores visuais e um computador de visão noturna em 360º (algo como o Google Glass), que poderá mostrar a localização exata dos inimigos em batalha. Isso sem falar em sensores de temperatura corporal, batimentos cardíacos, níveis de hidratação e todo o tipo de relatório sobre a saúde do usuário.

A ideia do Exército Norte-americano é ter um protótipo funcional de TALOS nos próximos três anos. A habilidade de voar e soltar rajadas de raios das mãos, porém, só deve ficar pronta quando alguém conseguir aproximar ainda mais o universo dos quadrinhos da vida real.

Seja como for, pelo vídeo abaixo, achei o design mais parecido com a armadura do Master Chief de Halo do que com a do Homem de Ferro, mas não duvido que em breve teremos um Patriota de Ferro por aí…

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...