Esses são os mangás mais vendidos de 2013 no Japão

Leandro de Barros

  segunda-feira, 02 de dezembro de 2013

Esses são os mangás mais vendidos de 2013 no Japão

One Piece lidera mercado de mangás no Japão, mas vê os gigantes de Attack on Titan bem de perto; enquanto isso, as "novatas" Assassination Classroom e Terra Formars aparecem pela primeira vez na lista, ao lado das tradicionais Naruto, Hunter x Hunter e Fairy Tail

O Oricon, grupo japonês responsável por elaborar as paradas semanais, mensais e anuais de vendas de CDs, DVDs, jogos e outros produtos do entretenimento na Terra do Sol Nascente, divulgou a sua lista anual dos mangás E light-novels mais vendidos no Japão em 2013!

A lista divulgada pelo grupo cobre o período do dia 19 de Novembro de 2012 até o dia 17 de Novembro de 2013 e fornece um conjunto de informações BEM interessantes até mesmo para nós e o nosso mercado nacional.

Por isso, vamos começar a dar uma olhada nos rankings, ok? Começando pelo mais importante, o de mangás mais vendidos de 2013:

Mangá Unidades Vendidas Editora
One Piece (Eiichiro Oda) 18 151 599 Shueisha
Attack on Titan (Hajime Isayama) 15 933 801 Kodansha
Kuroko’s Basketball (Tadatoshi Fujimaki) 8 761 081 Shueisha
Magi (Shinobu Ohtaka) 7 151 001 Shueisha
Naruto (Masashi Kishimoto) 5 553 933 Shueisha
Silver Spoon (Hiromu Arakawa) 4 858 699 Shogakukan
Assassination Classroom (Yusei Matsui) 4 595 820 Shueisha
Hunter x Hunter (Yoshihiro Togashi) 4 231 475 Shueisha
Fairy Tail (Hiro Mashima) 3 790 151 Kodansha
Terra Formars (Yū Sasuga e Kenichi Tachibana) 3 211 191 Shueisha
Kimi ni Todoke (Karuho Shiina) 3 428 352 Shueisha
Toriko (Mitsutoshi Shimabukuro) 2 864 734 Shueisha
Kingdom (Yasuhisa Hara) 2 805 945 Shueisha
Bleach (Tite Kubo) 2 752 588 Shueisha
JoJo’s Bizarre Adventure (Hirohiko Araki) 2 588 910 Shueisha
Space Brothers (Chūya Koyama) 2 543 140 Kodansha
Saint Young Men (Hikaru Nakamura) 2 487 751 Kodansha
Blue Exorcist (Kazue Katō) 2 329 721 Shueisha
Chihayafuru (Yuki Suetsugu) 2 311 857 Kodansha
Ao Haru Ride (Io Sakisaka) 2 106 452 Shueisha
Haikyu!! (Haruichi Furudate) 2 056 211 Shueisha
Ace of Diamond (Yūji Terajima) 2 010 045 Kodansha
Detective Conan (Gosho Aoyama) 1 966 206 Shogakukan
Sket Dance (Kenta Shinohara) 1 783 098 Shueisha
JoJo’s Bizarre Adventure Bunko Edition (Hirohiko Araki) 1 684 749 Shueisha
Tokyo Ghoul (Sui Ishida) 1 666 348 Shueisha
Black Butler (Yana Toboso) 1 562 863 Square Enix
To Love-Ru -Trouble- Darkness (Saki Hasemi e Kentaro Yabuki) 1 558 973 Shueisha
Nisekoi (Naoshi Komi) 1 542 417 Shueisha

Ok, vamos lá dar uma olhada nisso aí com mais calma:

  • Houve uma ligeira queda nas vendas de One Piece. No ano passado, foram mais de 23 milhões de unidade, nesse foram “só” 18. Ainda assim, continua um monstro editorial;
  • Attack on Titan, QUE NEM ESTAVA NA LISTA ANO PASSADO, pula pra segundo lugar com 15 MILHÕES de unidades. Chegou muito perto de One Piece. Esse ano, sem dúvidas, foi o ano de Shingeki no Kyojin. Anime mais popular na TV japonesa, monstro de vendas nas bancas… não foi à toa que a Panini já correu pra trazer o mangá pra cá e já até lançou o primeiro volume por aqui (aliás, dos 15 volumes mais vendidos do ano no Japão, TODOS são da dupla One Piece e Attack on Titan). Agora é ver se a série mantém o ritmo no ano que vem ou se será hype de um ano só – não custa lembrar que One Piece vende nesse nível há uns 10 anos;
  • No Top 10, 9 mangás são shonen enquanto apenas Terra Formars é um seinen. Shonen continua como o “público” mais popular do Japão;
  • Impressionante como Hunter x Hunter conseguiu lançar apenas 2 volumes no período contabilizado pelo Onicon (ambos em Dezembro de 2012) e mesmo assim conseguiu um lugar no Top 10. Aah se o Togashi escrevesse regularmente…;
  • Toriko e Space Brothers tiveram anos péssimos e saíram do Top 10;
  • Sobre o mercado nacional, vale a observação: 5 dos 10 mangás mais vendidos do Japão em 2013 ainda não possuem editoras brasileiras: Kuroko’s Basketball, Magi, Silver Spoon, Assassination Classroom e Terra Formars devem ter se valorizado bastante depois de 2013 e é possível que as editoras daqui tenham mais interesse  nas obras (mas talvez também paguem mais por elas?). Dessas três, é provável que Magi, Assassination Classroom e Terra Formars sejam as com maior potencial para vender bem por aqui – Magi é bem popular entre os leitores brasileiros por causa do anime da série, Assassination Classroom é a nova sensação da Shonen Jump e Terra Formars foi indicado ao Manga Taisho Awards, foi a série mais indicada para leitores masculinos pelo guia Kono Manga ga Sugoi! (cujas indicações são feitas por profissionais do mercado editorial japonês) e está à um anime de ser o “novo Attack on Titan” (ou desapontar gigantemente). Kuroko’s Basketball também possui um público bom por aqui e Silver Spoon é da mesma autora de Fullmetal Alchemist, mas ainda existem dúvidas sobre a comercialização com o público brasileiro de um mangá sobre a vida diária de uma fazenda.
Light Novel Unidades Vendidas Editora
Sword Art Online (Reki Kawahara e abec) 2 006 033 ASCII Media Works
Kagerō Days (Jin /Shizu) 1 051 305 Enterbrain
The irregular at magic high school (Tsutomu Satou/Kana Ishida) 947 772 ASCII Media Works
The Devil is a Part-Timer! (Tsutomu Sajima/Kana Ishida) 727 435 ASCII Media Works
Shinyaku Toaru Majutsu no Index  (Satoshi Wagahara/029) 727 435 ASCII Media Works
My Teen Romantic Comedy SNAFU (Wataru Watari/Ponkan8) 654 224 Shogakukan

Nesse ranking, há menos para falar. Sword Art Online mantém a liderança e a ASCII Media Works continua sendo a editora de Light Novels mais vendida. Accel World caiu vertiginosamente da segunda posição para a décima e High School DxD também vendeu menos do que vendia (mesmo com um novo anime e um game à caminho).

Via ANN (1, 2 e 3)


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários