Desenhista Al Rio é encontrado morto em sua casa

  Leandro de Barros  |    terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Artista foi um dos primeiro brasileiros a entrar no mercado americano de quadrinhos

Uma notícia triste para os brasileiros fãs de quadrinhos: o desenhista cearense Al Rio, de 40 anos, foi encontrado morto em sua casa em Fortaleza, hoje.

A causa da morte do artista ainda não foi revelada, embora os primeiros rumores apontem para suicídio. Não foi encontrado, até o momento, qualquer bilhete na casa do desenhista.

Al Rio foi um dos primeiros brasileiros a entrar no mercado americano de quadrinhos, fazendo parte da geração de Mike Deodato, Marcelo Campos e Roger Cruz, e tendo trabalhado para a Marvel, DC, Dark Horse, Image, Wildstorm, Vertigo e várias outras editoras e desenhado alguns dos heróis mais importantes do mercado americano, como a Mulher-Maravilha, o Homem-Aranha e os X-Men. Porém, a característica mais marcante de Al Rio era a capacidade para desenhar mulheres.

Atualmente, Al Rio trabalhava na graphic novel Fever Moon, da Random House/Del Rey.

O trabalho de Al Rio pode ser conferido no seu site oficial, alrioart.com, ou na página do artista no DeviantArt.

via G1


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários