DC prepara uma mudança enorme na origem da Mulher-Maravilha

  Leandro de Barros  |    segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Uma novidade bombástica sobre a origem da Mulher-Maravilha no Novo Universo DC foi divulgada hoje pelo New York Post, com aprovação de Brian Azzarello, escritor da revista da heroína

Spoilers abaixo.

O New York Post divulgou hoje um spoiler bem grande sobre o futuro da Mulher-Maravilha no Novo Universo DC. Pelos vistos, a informação divulgada pelo jornal seria anunciada na New York Comic-Con mas foi liberada no jornal primeiro.

Eu já avisei ali em cima, mas como tenho consideração por vocês, vou avisar de novo: são spoilers bravos.

Ok, se você ainda está aí, vamos lá.

Segundo a publicação, a Princesa Diana ganhará um pai, algo que ela nunca teve nas suas versões anteriores. E não é só isso. Seu pai será Zeus, o Deus dos Deuses Gregos.

Pra todo mundo que já estudou um pouquinho de mitologia grega, é comum perceber casos onde os deuses vão para a Terra e badalham o balacubaco, se é que vocês me entendem. Alguns casos são bem famosos, como Hércules, filho de Zeus, Percy Jackson, filho de Poseidon e Zeca Pagodinho, filho de Dionísio.

Segundo Brian Azzarello, escritor da revista da Mulher-Maravilha, “todo mundo tem um pai, mesmo que ele não seja o cara mais legal do mundo. [Os Olimpianos] são gente bem nojenta… mas também podem fazer muitas coisas boas. Eles são como um espelho dos seres humanos, elevado à 11ª potência”.

Jim Lee, co-editor da DC, acha que “fazê-la uma deusa na verdade a faz mais humana”.

Apenas para fins de comparação, a origem anterior da Mulher-Maravilha dizia que sua mãe, a Rainha Hippolyta, modelou Diana à partir do barro e ela ganhou vida e superpoderes dos outros deuses gregos.

A novidade deverá dar as caras nos quadrinhos em Wonder Woman #3, que sairá apenas em novembro. O que vocês acharam disso? Vai funcionar ou é outra pataquada da DC?


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários