Brian Michael Bendis vai deixar de escrever os Vingadores após 2012

Em entrevista ao CBR, o roteirista da Marvel Brian Michael Bendis anunciou que vai deixar de escrever as revistas relacionadas aos Vingadores em 2012, oito anos depois de ter assumido a série mensal da equipe.

A sua saída do títulos Avengers e New Avengers acontecerá após o fim da saga de verão envolvendo a equipe, que deve ser a recém-anunciada Avengers versus X-Men. Mas antes ainda há a estréia de Avengers Assemble, que será usada para captar público do filme para os quadrinhos, e terá a participação de Bendis apenas no primeiro arco de histórias.

“É bom fazer outras coisas. Mas antes de ir embora, vou terminar com tudo. Estou em contagem regressiva. Sabe quando você assiste a Breaking Bad e todo episódio parece o antepenúltimo? É assim que eu estou. Fiquei com os Vingadores mais do que qualquer um na história da série. Se somar tudo, escrevi mais de 200 edições. Tenho muito, muito orgulho disso, e o que vem por aí no verão vai me dar oportunidade de sair por cima. Entendo o suficiente do showbiz pra saber que é hora de sair de cena”, foram as palavras do autor.

Os Vingadores nas mãos de Bendis se transformaram na equipe mais lucrativa da Marvel, com 4 séries mensais e participações de destaque nas grandes sagas da editora dos últimos anos. Porém, seu trabalho também é recheado de críticas por parte de alguns fãs que não gostam do estilo de Bendis, como por exemplo o fato do autor utilizar exaustivamente um personagem.

A Marvel não se pronunciou ainda sobre quem será o substituto do autor no comando dos Vingadores (nós torcemos para que não seja alguém tipo, Joe Quesada) e Brian Michael Bendis deve continuar na editora escrevendo Ultimate Comics Spider-Man e Moon Knight.

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...