Artes de Jack Kirby para o filme Argo serão leiloadas nos EUA

Você já viu Argo, vencedor do Oscar de Melhor Filme no começo do ano? No longa, vemos uma operação da CIA para conseguir resgatar 6 americanos que estavam escondidos no Irã, durante um evento que ficou conhecido como a “crise de reféns no Irã”.

O plano da CIA envolvia a criação de um filme falso que fosse gravado no Irã, dando a brecha para a retirada dos reféns americanos no país. Não foi exatamente o plano mais brilhante que a agência já criou, mas deu certo.

Argo Kirby 01
Reparem na presença do Cubo Cósmico da Marvel Comics

Porém, para que rolasse esse sucesso, era preciso fazer com que o filme falso (intitulado Argo) fosse realmente anunciado como verdadeiro, que rolasse matérias em jornais e revistas e que o projeto ganhasse todas as etapas habituais de uma produção hollywoodiana da época. Isso incluiu a criação de artes conceituais do filme, que foram desenhadas por ninguém mais e ninguém menos que Jack Kirby, co-criador de personagens como Hulk, Thor, Capitão América, Quarteto Fantástico e outros.

Depois da missão ter sido bem sucedida, essas artes acabaram ficando guardadas em algum lugar de Hollywood, até que um jovem desenhista chamado Jim Lee (que viria a ser o co-editor da DC Comics) comprou essas artes num leilão e as pendurou na parede.

Galactus ao fundo
Galactus ao fundo

O tempo passou e, eventualmente, Jim Lee descobriu que aquelas artes que ele tinha eram, na verdade, peça-central de uma operação da CIA. Com o aumento de valor das peças, o desenhista resolveu leiloá-las.

As duas artes que ilustram essa matéria estarão em leilão no Heritage Auctions durante os dias 1 e 3 de agosto. A expectativa é que cada peça seja vendida por, no mínimo, $10 mil dólares.

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...