A celulite da Mulher-Maravilha é a sensação da Internet nessa semana

Páginas de quadrinhos são ambientes férteis para a replicação de ideais machistas e objetificação do corpo feminino. Obviamente, não é o ÚNICO ambiente, nem o RESPONSÁVEL por uma cultura machista ocidental, mas as HQs fazem parte dessa grande engrenagem que, aos poucos, vai sendo desmontada.

Porém, não dá para negar que os artistas por trás dos quadrinhos estão se empenhando em mudar esse cenário. Em 2014, a Marvel Comics realizou diversas ações inclusivas, seja com a criação de diferentes HQs protagonizadas por mulheres (Viúva Negra, Elektra, Jean Grey, um time de X-Men mulheres, etc), seja com a criação de novas personagens femininas em posição de destaque, como a nova Thor.

Agora é a vez de uma ação feita numa HQ da DC Comics ganhar destaque – principalmente no Tumblr.

Na nova edição da revista digital Sensational Comics – escrita por Alex De Campi e desenhada por Neil Googe e que retrata a Mulher-Maravilha sendo a representante da Liga da Justiça numa missão espacial que vai até Júpiter – a amazona reclama sobre a diferença de tratamento entre homens e mulheres, até mesmo no meio dos super-heróis. Ela também comenta que está tentando novos visuais desde que tiraram uma foto dela e as pessoas comentaram mais sobre a sua celulite do que sobre ações humanitárias.

Além do aspecto humorístico, essa cena pode ser vista também como uma ação para quebrar um pouco o ideal de mulher escultural que as HQs mostram (afinal, celulite é algo normal), mas também brinca e satiriza toda essa obsessão com o corpo feminino perfeito da sociedade atual.

Essa cena foi postada no Tumblr nessa semana e tem rodado por lá, mostrando a aceitação do público com esse tipo de ação em revistas em quadrinhos – até o fechamento desse post, foram mais de 100 mil notas no Tumblr com as imagens, um público bem maior que a audiência da maioria das revistas em quadrinhos nos EUA.

 

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...