Quem foi Ragnar Lodbrok?

Luiz Alexandre Andrade
@luizalexandre82

  sexta-feira, 29 de maio de 2015

Coluna /// História em Cartaz História em Cartaz

Quem foi Ragnar Lodbrok?

Ele realmente existiu ou faz parte do conjunto de personagens heróicos e lendários

Quem assiste a série Vikings sabe de quem estamos falando. Podemos até conhecer o Ragnar da ficção, mas quem foi o verdadeiro Ragnar Lodbrok? Ele realmente existiu ou faz parte do conjunto de personagens heróicos e lendários que permeiam as sagas nórdicas?

Conhecer Ragnar Lodbrok ou Lothbrok não é uma tarefa fácil. Historiadores e estudiosos tem que enfrentar a escassez de fontes históricas para traçar a trajetória do famoso nórdico. Além das poucas fontes sobre Ragnar, o que conhecemos sobre ele vive numa confusão que mistura lenda e realidade.

Rollo e Ragnar

Rollo e Ragnar

Ragnar Lodbrok (palavra que pode ser traduzida como “calças-peludas”) é tido como um rei da Suécia e da Dinamarca durante os séculos 8 e 9, durante o governo de Horik I. A datação de seu reino é bastante confusa, enquanto algumas fontes localizam o reinado de Ragnar entre 750 e 794, outras a localizam entre 860 e 865. Teria sido filho de Sigurd Ring, rei que conquistou a Dinamarca. Ragnar realizou grandes façanhas que são explicadas pela sua atribuída descendência direta a Odin.

A Ragnar estão atribuídas as grandes incursões vikings a França e a Inglaterra. O império Franco sofreu sucessivas invasões vikings, sendo a mais notável a expedição nórdica de 845, quando o rei Charles, o Calvo, pagou uma enorme quantia em prata para evitar que Paris fosse saqueada. Os vikings então seguiram pelo rio Sena saqueando as cidades que haviam pelo caminho, como Rouen e Carolivenna,  até que retornaram novamente para Paris, no dia 28 de março de 845, saqueando a cidade.

Vikings-Ragnar-Lothbrok-Season-3-Official-Picture-vikings-tv-series-38232028-4912-7360Na Inglaterra, Ragnar realizou varias expedições ao território. Porém, na Nortúmbria, Ragnar foi capturado pelo rei Aelle que ordenou que o nórdico fosse executado num fosso cheio de serpentes. Segundo as lendas, Ragnar lutou contra os animais e mesmo debilitado com os ataques peçonhentos, o viking teria cantando um apelo para que seus filhos, Ivar, Sem Ossos e Ubb, escutassem. E os filhos de Ragnar ouviram o suplício do pai e comandaram um grande número de guerreiros sobre a Nortúmbria, onde conseguiram vingar Ragnar e submeter o rei Aelle a tortura da “Águia de Sangue”.

Ragnar Lodbrok é exemplo de personagem histórico que vive entre a lenda e o real. Ele é considerado um herói nativo da Escandinávia, mas as fontes sobre sua história são poucas e o que se sabe advém das sagas vikings, como por exemplo, as Crônicas Anglo-Saxônicas que citam os líderes dinamarqueses durante a Grande Invasão Bárbara de 865-867, Ivar e Ubba, como filhos de Ragnar.

De qualquer maneira, o Ragnar histórico e mitológico, o provável nobre guerreiro que pertencia a casa real dos Yglings (clã de reis mais prósperos da Dinamarca), influencia hoje o Ragnar fictício de Travis Fimmel que interpreta o personagem na série Vikings.

Fontes: A História do Verdadeiro Ragnar; Wikipédia e Ragnar Lodbrok – Mitologia Nórdica

Sobre » História em Cartaz

Fatos, curiosidade e referências históricas de filmes, séries de TV, games e livros você encontra aqui no História em Cartaz, a coluna que vai te mostrar que Historia não é um assunto chato.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários