Yoshinori Kitase fala sobre um possível remake de Final Fantasy VII

  Leandro de Barros  |    terça-feira, 29 de novembro de 2011

Segundo produtor da série Final Fantasy, se o remake de Final Fantasy VII algum dia acontecer, o game passará por várias mudanças profundas

Se tem uma coisa que une todos os tipos de fanboys sob uma única bandeira é a possibilidade de um remake na nova geração de Final Fantasy VII, clássico do PsOne.

Muita gente gostaria simplesmente porque é fã do game, muita gente gostaria porque quer ver se o jogo seria tão bom mesmo quando colocado frente à frente com os atuais ou se não passa de nostalgia de alguns e outros muitos simplesmente vibram com a idéia quando assistem à Final Fantasy VII: Advente Children Complete e seu show de CGI.

Resumindo: muitíssima pouca gente não gostaria de ver um remake de Final Fantasy VII acontecer. Pena (ou não) que uma dessas pessoas seja Yoshinori Kitase, produtor de Final Fantasy XIII-2 e da série em geral.

Kitase comentou em entrevista ao OXM a possibilidade do remake HD de Final Fantasy VII e disse que, caso o projeto aconteça algum dia, ele gostaria de fazer algumas mudanças no game: “eu ficaria realmente tentado à tirar algumas coisas e adicionar outros elementos, novos sistemas e coisas assim porque se nós formos fazer exatamente a mesma coisa agora, seria como uma repetição”.

O problema de agir assim é que os fãs iriam reagir como… bem, como fãs histéricos, reclamando de mudanças e aporrinhando a vida da Square. E não são palavras minhas, são de Yoshinori Kitase: “Se nós fizêssemos essas mudanças, os fãs poderiam ficar desapontados ou dizer ‘não era isso que eu esperava’ então, nesse sentido, a gente pode dizer que é melhor deixar a memória ser uma memória”.

Yoshinori diz que esse desejo por mudar alguns elementos dos jogos anteriores não é exclusivo de Final Fantasy. Segundo ele, quando os envolvidos na série Final Fantasy jogam os games anteriores da saga, eles acham algumas coisas que não consideram tão legais ou que poderiam mudar. O problema é que são exatamente as coisas que “são realmente entusiasmantes para os fãs desses jogos, que acrescentam aos jogos gosto ou personalidade ou seja lá o que for“, segundo Kitase.

As novas declarações de Kitase surgem após o produtor dizer que gostaria de lançar um novo Final Fantasy por ano, pois são assim que as franquias ocidentais fazem. Juntando com as informações de hoje, nós podemos presumir que a série está, dia após dia, se tornando mais ocidental, enquanto mantém a estrutura de jogo de um JRPG.

O próximo jogo da franquia é o Final Fantasy XIII-2 e você pode saber todas as novidades do jogo clicando aqui.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários