Warner pretende lançar mais games com heróis da DC

Depois do imenso sucesso dos dois games do Batman lançados nos últimos anos pela Warner (Batman: Arkham Asylum e Batman: Arkham City), a empresa pretende lançar mais games com personagens da DC no futuro.

Em conversa com o Canadian Bussiness, Martin Carrier e Reid Schneider, vice-presidente e produtor executivo da Warner Montreal, respectivamente, confirmaram que a Warner tem interesse em novos games com personagens da DC e procuram manter contato com artistas da editora para viabilizar esses projetos: “Nós estamos trabalhando bem de perto com a DC em diferentes títulos, que ainda serão anunciados. Essa é uma das razões que nós conversamos com Geoff Johns e Jim Lee regularmente. É interessante para o nosso lado nerd manter contato com esses caras, especialmente agora que eles relançaram as HQs. É uma ótima hora para trabalhar com a DC. Tem muita energia por lá”.

Schneider comentou sobre como dois jogos mudaram o mercado de games baseados em heróis: “Se você olhar para a última década de jogos de super-heróis, você verá dois que mudaram o mercado. O primeiro foi feito pela Neversoft, Spider-Man – acho que para o PsOne. As pessoas reagiram bem e então saíram alguns outros jogos que eram apenas ‘ok’. Daí veio a Rocksteady com Arkham Asylum que mudou de novo as expectativas [sobre um jogo de super-heróis]. Se você olhar para as semelhanças entre os dois, eles não eram baseados em nenhum filme. Eles pegavam as ricas histórias dos quadrinhos e exploravam os personagens. Eles não tiveram de ser lançados na época do filme ou outra data arbitrária – foi dado aos games o tempo que eles precisavam para serem bem sucedidos e com uma grande concentração de qualidade”.

Quando perguntados se a Warner publicaria games dos próximos dois filmes da DC, Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge e Superman – O Homem de Aço, os dois executivos negaram e disseram que não é esse o caminho que a Warner quer seguir no mundo dos games. Segundo os dois, a época em que os desenvolvedores de games podiam criar um título para ganhar dinheiro na onda do filme “acabou“.

Qual herói da DC você acha que merece um game de respeito?

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...