Você não jogará Bayonetta 2 antes de Viewtiful Joe 3

O mundo dos games mainstream anda com algumas boas novidades ultimamente. O ano de 2011 foi um ano particularmente prodigioso para esse mercado, mas 2012 promete não deixar para trás e fazer bonito também. Porém, outro dia eu estava em casa pensando e acredito que pensei algo que passa na cabeça de todos vocês: “Está tudo muito bom, muito bonito, mas Bayonetta 2 realmente viria bem a calhar agora“.

Ok, talvez vocês não pensem isso, mas a verdade é que, mesmo que pensassem, ainda vai demorar um pouco pra Bayonetta 2 sair. E quem diz isso é Hideki Kamiya, diretor da Platinum Games.

Em entrevista à Famitsu, Kamiya explicou que, se for para a Platinum Games fazer uma sequência de algum game, eles faram de Viewtiful Joe ao invés de Bayonetta. Até porque, o estúdio trabalha atualmente em Metal Gear Rising: Revengeance, que dizem ter um sistema de combate parecido com o de Bayonetta.

Porém, não desanimem. Kamiya admitiu que já conversou com a sua equipe sobre idéias para Bayonetta 2. Talvez demore para sair, mas é provável que a gente venha a jogar a continuação do game de 2009 em algum momento. Vale lembrar que Bayonetta foi um dos poucos jogos a conseguir a pontuação máxima da Famitsu, honraria que já teve mais prestígio no passado, mas ainda vale alguma coisa.

via Andriasang

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...