Versão de PC de DmC: Devil May Cry ganha data de lançamento e trailer

DmC: Devil May Cry sairá no dia 15 de janeiro para PS3 e Xbox 360, mas essas não serão as únicas plataformas em que a Capcom lançará o novo game de Dante.

De acordo com anuncio da empresa, o título também sairá para PC cerca de 10 dias depois, no dia 25 de janeiro. Para saber se o seu PC conseguirá rodar DmC: Devil May Cry, confira os requisitos mínimos abaixo:

Mínimo

  • SO: Windows Vista/XP, Windows 7, Windows 8
  • Processador: AMD Athlon X2 2.8 Ghz ou melhor
    Intel Core2 Duo 2.4 Ghz ou melhor
  • Memória: 2 GB RAM
  • Espaço em disco: 8 GB
  • Placa de vídeo: ATI Radeon HD 3850 ou melhor
    NVIDIA GeForce 8800GTS ou melhor
  • DirectX: 9.0c ou maior

Recomendado

  • SO: Windows Vista/XP, Windows 7, Windows 8
  • Processador: AMD Phenom II X4 3 Ghz ou melhor
    Intel Core 2 Quad 2.7 Ghz ou melhor
  • Memória: 4 GB RAM
  • Espaço em disco: 9 GB
  • Placa de vídeo: AMD Radeon™ HD 6950 ou melhor
  • DirectX: 9.0c ou maior

Veja também dois trailers da versão de PC do game:

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...