Vendas do PS Vita continuam em queda no Japão

O institudo Media Create divulgou hoje os números das vendas de consoles no Japão na última semana e, para desgosto da Sony, o desempenho do PS Vita continua sendo pífio.

Durante os dias 9 de janeiro e 15 de janeiro, o portátil da Sony conseguiu vender apenas 18 mil unidades, menos da metade das suas próprias vendas na primeira semana do ano, que já representavam uma queda.

A liderança do ranking semanal de vendas de consoles no Japão continua com o Nintendo 3DS, que vendeu cerca de 100 mil unidades entre o período estudado. Confira o ranking e uma comparação com a semana anterior:

CONSOLE 09/01 ~ 15/01 02/01 ~ 08/01
NINTENDO 3DS 100 668  240 819
PLAYSTATION 3 30 332  74 459
PSP 22 538 71 033
PS VITA  18 361 42 915
NINTENDO WII 14 179 49 525
XBOX 360 1 519 2 738

Apenas para fins de comparação, o PS Vita vendeu apenas 18% das vendas do Nintendo DS, seu principal concorrente. O portátil também ficou atrás do seu antecessor, o PSP. A situação do Vita fica pior quando os números das vendas do fim de dezembro são analisados e percebe-se que as vendas do portátil só diminuem desde o seu lançamento.

A Sony pode achar as vendas do 3DS encorajantes, mas vai precisar de uma boa estratégia para revitalizar o PS Vita, com o perdão do trocadilho.

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...