Ubisoft tem um plano para utilizar Watch Dogs por 10 anos!

Leandro de Barros

  quarta-feira, 03 de julho de 2013

Ubisoft tem um plano para utilizar Watch Dogs por 10 anos!

Produtor do game afirma que a Ubisoft já planeja como utilizar a marca Watch Dogs pelos próximos 10 anos

Watch Dogs foi a grande revelação da Ubisoft na E3 do ano passado e um dos jogos mais aguardados desse ano. Parece bem raro alguém ver alguns dos vídeos de jogabilidade do título e não se entusiasmar com a ideia de controalr o hacker Aiden Pearce na sua subversiva jornada contra os poderosos malignos daquela sociedade.

Algo interessante, revelado pelo produtor do game Dominic Guay, é que Watch Dogs já vem sendo produzido desde 2009 e a Ubisoft planeja utilizar a marca por mais 10 anos!

Quando perguntado sobre a semelhança do game com a série Person of Interest (clique aqui para conhecer!), o produtor revelou que a produção do título começou em 2009 e “o desenvolvimento já tinha sido iniciado há muito tempo quando ouvimos falar da série pela primeira vez“.

Sobre o futuro da nova franquia da Ubisoft, Guay afirma que o planejamento feito em cima de Watch Dogs cobre um período de 10 anos após o lançamento do game. “É assim que eu vejo: mesmo que a gente mude de opinião depois do lançamento de Watch Dogs e decida não fazer mais nada com a marca, o planejamento ajuda a construir uma mitologia mais forte. Nós todos já vimos séries de TV onde vários mistérios continuam após a primeira temporada, então a segunda temporada começa e você pensa que os produtores não sabiam o que ia acontecer – eles foram nos enrolando no processo. Dá pra sentir. É o mesmo com os games. Se você já planeja tudo à longo prazo com antecedência, você consegue ter personagens mais forte e esse universo se torna mais coerente. Então, quando surge a oportunidade de criar uma marca nova – algo que tem acontecido cada vez menos nessa indústria – você precisa planejar assim“, explicou o produtor, comparando Watch Dogs com o game Destiny, da Bungie, que também possui um plano de desenvolvimento de 10 anos.

De fato, assumir que a indústria dos games se tornou um mercado de reciclagem de franquias e começar a preparar esses novos capítulos com antecedência parece ser uma boa maneira de se lidar com o estado atual da indústria. Pode não mudar ou salvar nada, mas pelo menos os consumidores não precisarão lidar com franquias anuais com desenvolvimento porco.

via The Guardian


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários