Ubisoft se desculpa por fase brasileira em Assassin’s Creed 3

Leandro de Barros

  quinta-feira, 06 de dezembro de 2012

Ubisoft se desculpa por fase brasileira em Assassin’s Creed 3

Empresa francesa pede desculpas publicamente pelo conteúdo supostamente ofensivo da fase de Assassin's Creed 3 baseada no Brasil

Apesar de nomeado à Jogo do Ano no VGA 2012, Assassin’s Creed 3 está longe de ser uma unanimidade. O game reúne uma série de carcterísticas que desagradaram fãs e críticas, apesar de também ter aculumado  uma série de elogios.

Na parte referente às críticas, está uma que é especial para o brasileiros. Em certo momento do game, o protagonista Desmond precisa ir até São Paulo, capital do estado homônimo. Lá, o protagonista e os jogadores encontram um cenário imundo, barraquinhas de produtos piratas e vários outros estereótipos que desagradaram aos fãs, que consideraram a fase ofensiva.

Diante de tal polêmica, a Ubisoft se desculpou através de Bertrand Chaverot, diretor da filial brasileira da empresa:

Conversei diretamente com Sebastien Puel [produtor do jogo] e ele pede desculpas, pois a missão foi feita rapidamente para agradecer o público brasileiro, mas foi feita com uma mentalidade ‘gringa’, que nem sempre é boa para a imagem do Brasil“, comentou ao TechTudo.

Além disso, Chaverot prometeu um futuro game franquia baseado no Brasil.

Eu, pessoalmente, ainda não comecei a jogar Assassin’s Creed 3 e, obviamente, não joguei essa fase. Porém, pelo que eu vi na Internet sobre a tal fase, não vi nada que possa ser considerado tão ofensivo assim. Se a Ubisoft quer realmente pedir desculpas, então que comece pelos gráficos e movimentação dos personagens que (novamente, baseado no que eu VI) estão bem fraquinhos. Aos interessados,  o vídeo abaixo mostra a missão no Brasil:


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários