The Last of Us não é um jogo de zumbis, diz a Naughty Dog

  Leandro de Barros  |    quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Naughty Dog diz que o foco do jogo não são os monstros e sim a relação entre os protagonistas

Durante os dias pré-VGA, algumas imagens e teasers sobre The Last of Us, novo projeto da Naughty Dog (criadora de Uncharted) foram divulgados.

Os vídeos sempre retrataram um ambiente pós-apocalíptico e um documentário da BBC sobre um fungo que come os cérebros de formigas e outros insetos por dentro. Quase todas as especulações giravam em torno do mesmo tema: zumbis. O que pareceu se confirmar após a exibição do primeiro trailer do jogo no VGA 2011.

Porém, a Naughty Dog não vê The Last of Us como um “jogo de zumbis“, mas sim sobre o relacionamento entre “pai e filha” que os protagonistas Joel e Ellie tem.

Se o jogo fosse sobre os monstros, nós não teríamos mostrado-os.  A história não é sobre eles“, disse o escritor e diretor criativo do jogo, Neil Druckmann, ao Eurogamer.

É verdade que o jogo foi criado após a equipe da Naughty Dog ter assistido ao documentário sobre o fungo Cordyceps e seus efeitos em insetos. Depois de ver o episódio do documentário da BBC, a equipe começou a imaginar como seria se o fungo pudesse agir da mesma foram em humanos.

Apesar dos monstros terem sido o pontapé inicial para a criação do jogo, a história de The Last of Us vai focar mesmo em Ellie e Joel enquanto eles viajam pelos EUA de cidade em cidade coletando por recursos pois, segundo Druckmann, “a habilidade de contar histórias [na indústria dos games] está em baixa no momento” . A Naughty Dog ainda não anunciou se o jogador controlará Ellie ou Joel e nem se o jogo será cooperativo.

Em qualquer outro meio é tudo sobre os personagens. [Nós queremos que vocês] se importem com os personagens, então quando alguma coisa horrível acontece, você sinta alguma coisa. É isso que a Naughty Dog pode trazer ao gênero [jogos de monstros/zumbis]: toda decisão que nós fazemos é pensando nos personagens e nos seus relacionamentos. Nós nos aproximamos desse gênero porque sentimos que ninguém conseguiu explorá-lo direito ainda. The Last of Us fala sobre a condição humana – e é isso que você quer fazer ao contar uma história“.

Reveja o trailer do game:

The Last of Us, exclusivo para o PS3, ainda não tem previsão de estréia.

via VG 24/7


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários