Pra onde vão os Pokémons quando seus treinadores morrem?

Leandro de Barros

  quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Pra onde vão os Pokémons quando seus treinadores morrem?

História dá uma versão bem triste do destino dos Pokémons

Pokémon. Taí um universo que muitas pessoas conhecem e que, apesar de anos e anos de existência e novos conteúdos, ainda permanece razoavelmente misterioso.

Por exemplo… o que acontece com Pokémons quando seus treinadores morrem? Eles são libertos? Vão para uma instituição que cuida deles? O Professor Carvalho adota os bichinhos? Eles continuam na família? E… o que acontecem quando os treinadores morrem e eles ficam presos dentro das Pokébolas?

Foi com esses questionamentos na cabeça que o usuário do Tumblr que atende pelo nome de projectTiGER criou uma história unindo respostas para isso, ficção-científica e um “Pokémon” que faz parte da cultura dos fãs dos jogos: o Missingno (clique aqui se você não conhece tal criatura).

Partindo do princípio que as Pokébolas são objetos que transformam os Pokémons em códigos para armazená-los, o autor da história que você verá abaixo imaginou que um Pokémon que fique por lá por muito tempo pode começar a perder a cabeça, o que resultaria num erro no código e em corrupção de toda a informação armazenada. Com isso, os Pokémons lentamente se tornariam… Missingno.

Um usuário do Youtube chamado Zedrin fez um vídeo adaptando a história de projectTiGER e você pode vê-lo abaixo:

via Kotaku


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários