Ok, já anunciaram o primeiro projeto para usar o Oculus Rift para ~entretenimento adulto~

Leandro de Barros

  quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Ok, já anunciaram o primeiro projeto para usar o Oculus Rift para ~entretenimento adulto~

Primeiros protótipos de jogos eróticos usando o Oculus Rift já começam a ser demonstrados

A gente já comentou por aqui sobre o Oculus Rift, um dispositivo de realidade virtual que tem causado bastante barulho na indústria dos games nos últimos meses – sendo inclusive eleito o Melhor Periférico da E3 2013.

Basicamente, o dispositivo possui um sensor de movimentos, tela LCD e é um HMD (head-mounted display) com capacidade para mostrar imagens em 3D e tudo mais. É mais ou menos como colocar um óculos e passar a enxergar tudo que o personagem do game enxerga.

Não é preciso ser um pervertido para entender as implicações safadísticas que tal tecnologia terá na sociedade atual e o mar de possibilidades que ela gera.

A brincadeira é que a gente não precisa mais imaginar nada disso, já que a Tenga (empresa focada em brinquedinhos para adultos – e não estamos falando das action figures que você compra por aí) se uniu com a Oculus VE (produtora do Oculus Rift) para criar a nova geração de simuladores de sexo.

Em evento realizado em Tóquio, a empresa anunciou a novíssima VR Tenga, uma parafernalha que basicamente é composta pelo Novint Falcon (um controlador háptico) e pelo Tenga, um masturbador masculino industrial. A brincadeira começa com o usuário inserindo seu pênis no Tenga, que passa então a ser manipulado pelo Novint Falcon – e eu gostaria de dar uma pausa aqui para fazer notar que esses nomes são fantásticos.

Continuando.

Enquanto o Novint Falcon manuseia o Tenga, o usuário recebe estímulos visuais através do Oculus Rift. Esses estímulos estarão sincronizados com os movimentos do VR Tenga, criando assim a sensação de atividade sexual.

Dois vídeos da brincadeira em funcionamento podem ser vistos abaixo. Um está no Youtube e é tranquilo de ver, já o outro está no Vimeo porque é para maiores de 18 anos e NSFW:

Por enquanto, tudo está em estágio inicial ainda, mas não deverá demorar muito pra gente começar a ver games eróticos utilizando toda essa tecnologia aí. E esse nem é o único projeto pensando em usar o Oculus Rift para fins mais… brejeiros.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários