O Xbox One está sendo produzido no Brasil?

Desde que o preço do PlayStation 4 foi anunciado pela Sonye posteriormente explicado – que muita gente tem se perguntado qual a “mágica” que a Microsoft fez para conseguir vender o Xbox One por R$2199 no Brasil (ainda que alguns desses comentários tenham sido feitos de forma irônica).

A resposta dessa pergunta pode ter sido obtida hoje pelo UOL Jogos.

A publicação encontrou o registro de homologação do Xbox One no site da Anatel (basta clicar aqui e colocar o número 3090131569 no campo “Nº Homologação”) e, nas imagens divulgadas do aparelho, é possível ver o selo da Anatel e também o selo da Zona Franca de Manaus, dizendo que o console é produzido por lá.

Vale lembrar que a Microsoft não se pronunciou sobre como o Xbox One está sendo trazido para o Brasil e deve explicar esses pormenores durante a sua conferência pré-BGS 2013, na próxima sexta-feira (25).

O que as imagens de hoje mostram é que, PELO MENOS, o Xbox One será montado no Brasil. Se for esse o caso (ou seja, se a Microsoft importar no máximo 70% do console e montar o resto por aqui), os impostos aplicados no video-game são diferentes dos aplicados no PS4, explicando assim a diferença de preço entre ambos. Se a Microsoft estiver produzindo o XONE do zero no Brasil, aí sim fomos surpreendidos novamente – até mesmo pelo preço do video-game para quem está produzindo aqui.

Devemos descobrir em breve.

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...