Loja retira GTA V das prateleiras devido à “retratação de violência contra mulheres”

Leandro de Barros

  quarta-feira, 03 de dezembro de 2014

Loja retira GTA V das prateleiras devido à “retratação de violência contra mulheres”

Game foi retirado das lojas na Austrália depois de petição pública

A rede de lojas Target, uma das maiores da Austrália, retirou Grand Theft Auto 5 das suas prateleiras. A razão dessa ação da loja foi uma petição pública no país, que contou com mais de 40 mil assinaturas, e pedia a retirada do game por causa da maneira com que o título da Rockstar retrata violência contra mulheres.

Nós conversamos com muitos consumidores nos últimos dias sobre o jogo e há um nível significante de preocupação sobre o conteúdo do jogo. Nós também tivemos feedback positivo dos consumidores defendendo que nós continuemos a vender o jogo e nós respeitamos essa perspectiva no assunto.

Porém, nós tomamos a decisão de parar de vender GTA 5, indo de acordo com a visão da maioria dos nossos consumidores

A Target também comentou que a mesma postura não será tomada com outros materiais, como filmes ou jogos, que também possuem conteúdos para adultos.

Apesar desses produtos possuirem imagens que alguns consumidores podem achar ofensivas, na vasta maioria dos casos, nós acreditamos que são produtos apropriados para nossos consumidores adultos. Porém, no caso de GTA V, nós ouvimos ao forte feedback dos nossos consumidores e esse não é um produto que eles querem que a gente venda

Em resposta à essa situação, uma nova petição pública na Austrália foi criada para que o governo “proteja a liberdade criativa dos produtores de video-games”, mas essa petição só conta com 293 assinaturas até o momento.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários