Jet Li defende competições em games como esporte

Leandro de Barros

  quinta-feira, 04 de abril de 2013

Jet Li defende competições em games como esporte

"Se o pôquer e o xadrez possuem jogadores sentados e são considerados esportes, então por que não os video-games também? ", disse Jet Li

Jet Li Games

Há algum tempo atrás, nós nos vimos no meio de uma discussão sobre a validade do video-game como meio artístico e veículo de cultura no Brasil. A Ministra da Cultura, Marta Suplicy, deu uma declaração polêmica, que gerou vários comentários e a coisa foi se desenrolando.

Talvez você concorde com o fato dos games seram cultura, talvez discorde, mas há uma certa pessoa que tem uma outra visão dos jogos eletrônicos: Jet Li, ator de filmes como Os Miseráveis, Romeu Tem Que Morrer e Herói, considera as disputas de games como um esporte.

Durante um evento de combates entre jogadores no Age of Wushu, um MMO de artes marciais chinês, Li se disse um defensor dos video-games competitivos como um esporte: “Se o pôquer e o xadrez possuem jogadores sentados e são considerados esportes, então por que não os video-games também? Existem dois tipos de esportes: os físicos e os mentais. Não há uma boa razão para desmerecer os games como um esporte e eu acredito que participantes de eventos de combates como esse possuem a mesma mentalidade que atletas físicos“, disse o ator.

Eu não sei, pode até ser que vejamos Combate Virtual nas Olimpíadas de 2040, mas não serei eu quem irá contra as palavras de Jet Li. Se ele disse, tá dito e vamos começar a tratar games de competição como esporte. Porém, quando a sua mãe disser para sair de frente do video-game e ir “praticar um esporte”, nem adianta mandar esse texto pra ela.

via Kotaku


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários