Humble Bundle faz pacote com jogos brasileiros!

Leandro de Barros

  sábado, 14 de junho de 2014

Humble Bundle faz pacote com jogos brasileiros!

Pacote vem com 7 jogos desenvolvidos no Brasil

O mercado brasileiro de games é dominado por lançamentos internacionais, mas isso não significa que não haja uma cena indie com muito talento por aqui.

Apesar da maioria esmagadora do público nacional não saber que existem jogos muito bons que foram desenvolvidos por brasileiros, a verdade é que esses jogos não só existem, como fazem sucesso com o público internacional.

Agora, você não precisa se sentir culpado por nunca ter jogado nenhum desses jogos e também não precisa ir queimar a sua camisa da seleção com o nome do Neymar, abandonar o país e ir viver numa cabana escondida na Patagônia por causa disso. A gente entende que você nunca teve a oportunidade ou não conhecia esses jogos. Tudo bem…

Mas, agora as suas desculpas acabaram, porque o Humble Bundle fez um pacote especial com vários jogos brasileiros, chamado de Brazilian Pack (vantagens de se sediar uma Copa do Mundo, né?).

Os jogos inclusos são os seguintes:

  • Knights of Pen and Paper +1 Edition;
  • Mr. Bree+;
  • Overcast: Walden And the Werewolf;
  • Dead Bits;
  • Soul Gambler ;
  • Eversion;
  • Doomed’n Damned;

Knights of Pen and Paper é um jogo de RPG desenvolvido pelo pessoal do Behold Studios, um estudio brasiliense formado em 2009 por Saulo Camarotti. O jogo é uma das mais bem sucedidas tentativas de se levar o tradicional RPG de mesa para uma versão digital, já que os jogadores interpretam o papel de jogadores jogando um RPG de mesa. Confuso? Fique tranquilo que o jogo é bem acessível e divertido, com uma pixel art bem bonita e um clima de leveza cheio de referências a cultura pop.

Mr. Bree+ é um jogo de plataforma em 2D desenvolvido pelo estúdio TawStudio, de Pindamonhangaba! O game conta a história do Mr. Bree, um porquinho que vivia em paz com a sua família até um evento traumático acontecer e ele perder a memória. Agora, ele precisa recuperar o conhecimento do que aconteceu para poder salvar sua família. O jogo se destaca por ser um daqueles jogos de plataforma muito, muito difíceis, adequado apenas para os de coração forte.

Overcast: Walden and the Werewolf é feito pelo estúdio gaúcho Microblast Games e se trata de um survival de horror em primeira pessoa. No game, o jogador assume o papel de Walden, um idoso caçador que vive sozinho na floresta, até que ele começa a ser assombrado por uma criatura misteriosa, que matou todas as pessoas que viviam em um vilarejo próximo.

Também feito pela Microblast Games, o pacote inclui Dead Bits, um FPS extremamente colorido. O game conta a história de Quilly, uma criatura que acaba sendo abduzida por alienígenas e agora precisa fuzilar os ETs para poder fugir e voltar para casa. Um dos chamarizes do game é o fato dele ter uma trilha sonora original em Dubstep.

Desenvolvido pelo estúdio Mother Gaia, Soul Gambler é um adventure que reimagina a história do clássico Fausto, do alemão Johann Wolfgang von Goethe, que conta a história de um homem que vendeu sua alma ao diabo. Com um aspecto estético inspirado nas comics americanas, o game evita ir para o lado do terror apesar da premissa e proporciona uma aventura de estratégia e inteligência.

Eversion é produzido pela Zaratustra Productions e se trata de um shooter de plataforma em 2D. Na trama do game, a Pricesa do Reino das Flores é sequestrada pelos Ghulibas e o jogador assumirá o papel de Zee Tee, que tem a função de salvá-la.

Doomed’n Damned é um jogo de ação baseado em clássicos do gênero dos anos 80 e 90. Como o trailer deixa claro, nada de frufrus como “jogabilidade casual” ou “funcionabilidades sociais”, apenas o mais puro e viciante arcade. O título é desenvolvido pela arc-gen, um estúdio de um homem só, o heróico Claudio HP Lins. O jogo ainda está em desenvolvimento, mas já marca presença no Greenlight do Steam e já possui versões jogáveis.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários