Hideo Kojima quer mostrar ao mundo que é mais do que “o cara que fez Metal Gear”

Leandro de Barros

  sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Hideo Kojima quer mostrar ao mundo que é mais do que “o cara que fez Metal Gear”

Criador da série Metal Gear diz que ainda tem muito pra mostrar ao mundo

Hideo Kojima é, para quem não sabe, o cara que fez Metal Gear. Mas ele não quer mais ser “o cara que fez Metal Gear”. Não que ele se arrependa de ter feito Metal Gear, mas ele não quer ser conhecido por só ter feito isso.

Eu admito que espero que os meus próximos projetos sejam pensados como ‘trabalhos de Hideo Kojima’ do que ‘do criador de Metal Gear’. Eu ainda não mostrei ao mundo o que mais eu posso ser capaz de fazer. Isso pode soar pretensioso, mas eu não quero que pensem em mim como ‘o cara do Metal Gear’. Tem muito mais que eu posso fazer“, disse Kojima em entrevista ao EGM.

Porém, Kojima admite que trabalhar com Metar Gear oferece várias vantagens, como o desenvolvimento de novas tecnologias, por exemplo. “Eu sou sempre mal-compreendido. Eu sempre disse que quero trabalhar em produções originais, mas Metal Gear oferece muitos benefícios. A Fox Engine, por exemplo, exigiu muito tempo e dinheiro [para ser criada]; nós só conseguimos desenvolvê-la porque ela foi feita para o próximo Metal Gear. No próximo jogo, eu introduzirei conceitos originalmente pretendidos para uma sériee nova da marca Metal Gear“, comentou o game designer.

Bem, essa situação não deve ser algo vivido só por Hideo Kojima. O mundo do entretenimento gira em torno das vendas produzidas. Quando você cria uma franquia que vende muito, inevitavelmente vão querer que você faça mais disso. Sem mencionar as comparações que os outros trabalhos de um artista desse tipo devem sofrer.

Metal Gear Solid: Ground Zeroes deverá sair no ano que vem.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários