Curiosity, de Peter Molyneux, é adiado

  Leandro de Barros  |    quinta-feira, 23 de agosto de 2012

"Experimento social" vai testar a maneira como a curiosidade se espalha pela comunidade gamer

Imagine um cubo. Imagine que esse cubo é formado por 60 milhões de outros cubos menores. Imagine que dentro desse cubo gigante há um prêmio fantasticamente incrível, capaz de mudar a sua vida para todo o sempre.

Essa é a premissa de Curiosity, novo game (ou “experimento social” nas palavras do seu criador) de Peter Molyneux, criador de Fable, Black & White e outros. O projeto é o primeiro game da 22 Can, desenvolvedora indie formada por Molyneux, com o objetivo de criar diversos games para estudar mais à fundo o mercado dos games e então lançar um mega-ultra-hiper jogo.

Curiosity é o primeiro desses games e, obviamente, vai estudar a curiosidade da comunidade gamer, tanto num sentido individual quanto na perspectiva de comunidade. Cada jogador poderá dar uma “escavadinha” no cubo por vez, ou investir nos DLCs do game para conseguir picaretas de maior poder para avançar mais rápido no game. Há até uma picareta de diamante que custa $50 mil dólares e que é 100 mil vezes mais poderosa do que a picareta comum do game.

Tudo isso para saber o que há dentro do maldito cubo.

Seja como for, Curiosity estava destinado a começar a funcionar agora no dia 29 de agosto, para PC, iOS e Android. Porém, contudo e todavia, o lançamento do game foi adiado. Por quê? Bem, por causa de um certo robô que foi pra Marte.

Segundo o próprio Molyneux, eles estão com problemas para lançar o game por causa do nome Curiosity, o mesmo nome do rover lançado pela NASA há 8 meses atrás e que pousou recentemente no Planeta Vermelho.

Enquanto Molyneux não pensa em um novo nome pro game, confira o mais recente trailer de Curiosity:


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários