Batman: Arkham Knight terá dublagem de profissionais

A Warner parece que entendeu da pior maneira possível que é melhor não inventar modas com os gamers brasileiros. Depois das polêmicas envolvendo a dublagem de Mortal Kombat X que trazia a cantora Pitty no elenco, e a de Battlefield: Hardline com o vocalista do Ultraje a Rigor, Roger Moreira, o próximo jogo publicado pela Warner Games no Brasil terá dublagem apenas de profissionais.

Segundo a Warner, o elenco de dubladores para a versão nacional de Batman: Arkham Knight é este:

  • Batman: Ettore Zuim
  • Jim Gordon: Mauro Ramos
  • Arlequina: Iara Riça
  • Asa Noturna: Mário Tupinambá
  • Oráculo: Guilene Conte
  • Pinguim: Ricardo Juarez
  • Hera Venenosa: Fernanda Bulara
  • Charada: Duda Ribeiro
  • Robin: Manolo Rey
  • Duas Caras: Charles Dalla

O estúdio também divulgou os preços da brincadeira: para PS4 e Xbox One o game chega por salgados R$249,90 enquanto para PC a nova aventura do Batman custará “apenas” R$119,90. Os menus estarão 100% em português e também haverá possibilidade de jogar com o idioma original e legendas em português.

[vejamais]

Mais sobre Batman: Arkham Knight:

[/vejamais]

O game não terá um modo multiplayer (o de Arkham Origins já havia sido muito criticado) e, Em termos de mudanças de jogabilidade, a grande novidade mesmo fica para a inserção do Batmóvel no game (além das melhorias tecnológicas que a nova geração garante).

Sua trama envolverá os vilões de Gotham se unindo para acabar com o Batman de uma vez por todas (principalmente depois dos eventos de Arkham City).Dentre os personagens confirmados no título, estão o Pinguim, o Duas-Caras, a Arlequina e a Oráculo (que dessa vez deverá aparecer mesmo, não participando apenas com a sua voz). Além desses, um novo vilão será criado especialmente para o game: o Arkham Knight (Cavaleiro do Arkham).

Batman: Arkham Knight chega as lojas em 23 de junho para PC, Xbox One e PS4.

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...