Velozes e Furiosos 7 estreia quebrando muitos (muitos!) recordes!

Leandro de Barros

  segunda-feira, 06 de abril de 2015

Velozes e Furiosos 7 estreia quebrando muitos (muitos!) recordes!

Novo filme da Família Toretto estreia muito bem - e parte em busca do primeiro bilhão de dólares na franquia

Velozes e Furiosos 7 estreou nesse último fim de semana de Páscoa em vários mercados pelo mundo e aproveitou para fazer a maior estreia da história da franquia, do mês de Abril e ainda passar por cima de mais alguns recordes no meio do caminho.

Ao todo, foram cerca de 143 milhões de dólares nos EUA – valor que sobe para 384 milhões no resto do mundo. Se trata do nono maior fim de semana de estreia da história até o momento (atrás de Os Vingadores, Homem de Ferro 3, o último Harry Potter, Batman – O Cavaleiro das Trevas e O Cavaleiro das Trevas Ressurge, dois filmes da franquia Jogos Vorazes e Homem-Aranha 3).

Velozes e Furiosos 7 Paul Walker

A despedida de Bryan O’Connor é um dos atrativos de Velozes e Furiosos 7

O filme se tornou também a maior estreia de um longa nos EUA em Abril, ultrapassando Capitão América: O Soldado Invernal – que tinha estabelecido um fim de semana de $95 milhões de dólares no ano passado. Obviamente, Velozes e Furiosos 7 também se tornou a maior estreia da franquia até o momento.

Além do sucesso nos EUA, onde a franquia costuma reinar, Velozes e Furiosos 7 também faz bonito no mercado internacional. Os $240,4 milhões de dólares que o filme conquistou pelo mundo colocaram o longa como a terceira maior estreia de todos os tempos no mercado internacional, atrás apenas de Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2 e Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas.

Para terminar, o novo filme de Vin Diesel e companhia estabeleceu novos recordes de estreias em quatro países: México, Taiwan, Argentina e Brasil.

via BoxOfficeMojo


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários