Tom Hardy fala sobre Bane em Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge

Tom Hardy, o Bane de Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge, dirigido por Christopher Nolan, falou com o site Total Film (que também entrevistou o Superman hoje) sobre o seu personagem.

“Eu acho o Bane legal pra c*ralho então eu estou realmente entusiasmado para interpretá-lo. Não é o cara no filme do Joel Schumacher, mas não deve decepcionar os fanboys.”

Amigo, só de NÃO ser o Bane do Joel Schumacher já significa que vai ser bom. E fanboys é a mãe.

Continuando, Bane comentou como foi quando recebeu o convite de Nolan para interpretar Bane no longa. Os dois trabalharam juntos em A Origem. Eis o que ele disse ao diretor:

“Você está me pedindo para viajar o mundo com você num filme do Batman, interpretando o vilão, e a única desvantagem é que eu tenho de usar uma máscara? Hmmm, deixe-me pensar. Eu vou recusar… Não, eu vou fazer, p*rra!… Toda vez que você coloca alguma coisa no seu rosto, você vai adotar uma personalidade e uma fisicalidade que não tem nada a ver com a atuação. Isso permite que a performance seja livre”

Segunda resposta, segundo palavrão. A senhora sua mãe deve estar um orgulho, mas eu até que gosto desse cara.

Por fim, a publicação tentou perguntar ao ator se o público veria a clássica luta do Bane com o Batman em que o vilão quebra a espinha do Cruzado Embuçado.

“Boa pergunta, mas tudo que eu posso dizer é que Chris [Nolan] tem um plano na manga e ele não é de todo desapontante. E essa é uma escolha definitiva que é à prova d’água em qualquer sentido”

Hmmm, Nolan tem um plano? Suspeitei desde o princípio. As últimas novidades do filme:

The Dark Knight Rises estréia dia 20 de julho de 2012 com Christian Bale (Bruce Wayne / Batman), Morgan Freeman (Lucius Fox), Michael Caine (Alfred), Gary Oldman (Comissário Gordon), Tom Hardy (Bane), Anne Hathaway (Selina Kyle / Mulher-Gato), Marion Cotillard (Miranda Tate), Joseph Gordon-Levitt (John Blake) e Juno Temple (Holly Robinson) no elenco. Direção de Christopher Nolan.

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...