LucasFilm determina que o Universo Expandido de Star Wars não é cânone

Leandro de Barros

  segunda-feira, 28 de abril de 2014

LucasFilm determina que o Universo Expandido de Star Wars não é cânone

Nova trilogia de Star Wars não vai se basear nos eventos pós-Retorno do Jedi do Universo Expandido

Star Wars Universo Expandido

A LucasFilm anunciou nesse fim de semana que o Universo Expandido de Star Wars, contendo os games, gibis, livros e praticamente toda e qualquer obra que não seja um dos seis filmes live-actions da franquia, não faz parte do cânone oficial da série.

O anúncio da empresa vem na esteira dos rumores de que Star Wars: Episódio VII poderia se basear na história dos gêmeos Jacen e Jaina Solo, filhos de Han Solo e da Princesa Leia.

George Lucas sempre deixou bem claro que ele não reconhecia o Universo Expandido. Ele definiu que os filmes que ele criou são o cânone. Isso inclui os seis episódios de Star Wars e as muitas horas de conteúdo que ele desenvolveu e produziu em Star Wars: The Clone Wars. Essas histórias são os objetos imovíveis da história de Star Wars, os personagens e eventos que as outras histórias precisam respeitar. Em ordem de conceder uma máxima liberdade criativa aos cineastas [da nova trilogia de Star Wars] e também preservar um elemento de surpresa e descoberta ao público, os Episódios VII, VIII e IX não contarão a mesma história pós-Retorno do Jedi do Universo Expandido

Pois bem, quer a gente goste ou não, o fato é que o Universo Expandido é apenas um grande conjunto de fan-fictions, mesmo esse material saindo com a benção da Lucasfilm.

A ironia é a declaração da empresa considerar os seis primeiros filmes como “objetos imovíveis” da franquia, quando o próprio George Lucas já tentou mover uma coisinha ou outra ali, né?

Mas enfim, Star Wars: Episódio VII estreia em Dezembro de 2015, com direção de J.J. Abrams.

via LucasFilm


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários