Escritora de God of War comenta as dificuldades de levar o game pro cinema

Leandro de Barros

  terça-feira, 03 de setembro de 2013

Escritora de God of War comenta as dificuldades de levar o game pro cinema

Marianne Krawczyk teme uma dissonância entre o Kratos dos games e do cinema

God of WarPouco menos de uma semana depois de Avi Arad (O Espetacular Homem-Aranha) comentar que os filmes baseados em video-games devem ser a próxima grande “moda” de Hollywood e fornecer updates no estágio de pré-produção dos longas de Uncharted, Mass Effect e Metal Gear Solid, agora é a vez de um outro filme baseado em game ganhar algo para se comentar.

A escritora Marianne Krawczyk, roteirista dos games de God of War, comentou em um painel da Pax Prime sobre uma das dificuldades de se adaptar a história do espartano para as telonas.

Acho que se Kratos chegar às telonas algum dia, vai rolar uma dissonância com o público que já conhecia o personagem. O jogador tem uma experiência pessoal com ele, e então ele vai e é interpretado por um ator diferente, tem uma voz diferente, tem muito mais falas. Vai ser difícil de passar por isso, mas espero que eles consigam algum dia.

O problema que a roteirista cita é válido exatamente para qualquer tipo de adaptação, seja de games, HQs, animações, tirinhas ou qualquer outra mídia. Não sei exatamente se essa “nova versão” de Kratos seria de fato um problema – desde que o filme seja satisfatório para os fãs, realmente não vejo o fandom de God of War reclamando que a voz do Kratos está diferente ou não.

A última novidade sobre o longa dizia que os roteiristas de Jogos Mortais, Patrick Melton e Marcus Dunstan, estavam dando aquele tapa no roteiro do longa para ele ficar “uma versão mais sangrenta e ousada de Fúria dos Titãs”. A produção de God of War é de Charles Roven (Trilogia do Cavaleiro das Trevas) e o estúdio é a Universal.

via GameSpot


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários