Emily Blunt está disposta a ser a Capitã Marvel nos cinemas

Algumas pessoas não sabem, mas Emily Blunt (No Limite do Amanhã) quase foi a Viúva Negra em Homem de Ferro 2. Pouco depois, ela quase foi Peggy Carter em Capitão América: O Soldado Invernal – ambos os papéis acabaram indo para Scarlett Johansson e Hayley Atwell.

Os mais temerosos diriam que “não era pra acontecer” uma parceria entre Marvel Studios e a atriz, enquanto os mais otimistas poderiam dizer que “o papel certo ainda não tinha surgido”. A verdade é que o tira-teima dessa situação pode sair em breve.

Como você já sabe, a Casa das Ideias fará um filme solo da Capitã Marvel. Como você já viu por aqui (tenho certeza!), nós escolhemos a Emily Blunt como uma das atrizes que poderiam viver a personagem. Agora, em entrevista ao Screen Crush, a própria Blunt diz que toparia a oportunidade:

[quote]Pra mim, é sempre sobre, e agora mais do que nunca, sobre o que eu estou conseguindo exibir. O que seria interessante pra mim e o que seria interessante para as pessoas verem. Então, se for um papel incrível, não importa se é um filme da Marvel ou um filme pequeno, eu estou disposta[/quote]

Como o filme da Capitã Marvel só deverá sair em 2018, ainda vai demorar um pouco pra gente começar a ter notícias sobre escalações nesse projeto – mesmo que a personagem vá aparecer em algum outro filme da Casa das Ideias.

O que você acha?

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...